sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Fogo destrói mata em Arões São Romão

Opinião: 












"Conserve o mato limpo num raio de 50 metros em redor da habitação para proteger os seus bens e criar uma área de segurança para a actuação dos bombeiros, segundo as orientações do Decreto-Lei 124/2006, de 28 de Junho"

Já passava pouco das 16:40 quando o alerta de um incêndio em Arões São Romão, junto à empresa de Mármores (Marfafe) na curva do bijom foi dado. As chamas propagaram-se em direcção à sede dos Oleiros e dos Reformados e Pensionistas de Arões, cercando o edificio que estava rodeado de mato à sua volta...



O Grupo de Intervenção de Protecção e Socorro (GIPS) foi rápido a actuar com o apoio de um helicópetro e dos Bombeiros Voluntários de Fafe, estes em pouco mais de uma hora extinguiram o fogo. Ás 18 h o fogo já era dado como circunscrito.

Apesar do aparato, com dezenas de populares a deslocarem-se ao local, o fogo felizmente só consumiu mato.
Relembre-se que há poucos anos atrás no mesmo local tinha ardido mato mas nessa altura uma área com maior dimensão.


Os Bombeiros de Fafe afirmaram não compreender porque é que num raio de 50 metros o mato à volta daquele edifício (antiga escola primária) não fizeram a devida limpeza do mato, competindo aos donos do edifício avisarem a Câmara que se encarregaria de fazer o trabalho e apresentar a consequente factura ao dono do terreno em causa.










Sem comentários:

Enviar um comentário