domingo, 21 de março de 2010

Divisão de Honra AF Braga - 23ªjornada: GD Apúlia 0 x Arões S.C 0

Opinião: 
No campo dos Sargaceiros, apresentaram-se o 3º classificado, o Arões e o Apúlia 12º, numa tarde em que a primavera se apresentaria cheia de sol. Tarde de sol, mas por não “luminosa”, para os pupilos de Luís Gomes. Tiago até marcaria aos 12 minutos, após bela jogada de entendimento entre António e César, com este ultimo a desmarcar o avançado que acabaria por marcar, mas assinalado o fora de jogo. Na resposta, o Apúlia através de um chapéu bem executado por Marco Lima obriga Abreu a grande esforço, não permitindo o golo ao adversário. O jogo a que se assistia nem sempre era bem jogado, muita disputa de bola. O Arões com dificuldade em tomar conta do jogo, viria aos 35 minutos Abreu a defender a dois tempos após remate de Tiago Rocha. Abreu novamente atento defende um excelente remate fora da área. Em cima do intervalo Tiago recupera a bola e entrega a Piruta que tenta o chapéu a Stray mas a bola sai por cima da barra.

Segunda parte com a esperança de que o futebol Aronense “emergisse” e rendesse frutos. Mas foram os da casa que aos 47 minutos criaram “frisson” na defensiva do Arões ao surgir isolado frente a Abreu que mais uma vez destemido, saiu-se aos pés
do adversário evitando o golo. O Arões pelo inevitável Tiago também poderia chegar ao golo, na sequência de um livre apontado por Romeu, em que Tiago desvia para a baliza com a bola a sair muito perto do poste após ter tocado num defesa. Houve também um golo anulado desta vez ao Apúlia por alegado fora-de-jogo. Luís Gomes insatisfeito com o desenrolar do jogo, mexe retirando Romeu e António, colocando em campo Miguel Castro e Ângelo. O Arões sentia alguma dificuldade para organizar-se saindo para o ataque. O futebol de ambas as partes também não era bonito, aqui e ali um ou outro lance mais conseguido, mas sem resultado. A 2 minutos do final Miguel Castro isola-se a meio campo lançado para a baliza e derrubado pelo g.r Stray que saiu da grande área para derrubar o atleta do Arões, todos esperavam a expulsão de Stray mas o arbitro foi amigo e apenas admoestou-o com a cartolina amarela. Do livre nada resultou e o fim do jogo chegou com o nulo a permanecer.

Resultado que acabaria por não ser mau de todo, com os Aronenses a somarem um ponto fora.

Jogo realizado no Campo dos Sargaceiros, em Apúlia, Esposende, às 15:00h.

Árbitro: João Vieira. Auxiliares: Paulo Rodrigues e José Gomes.

GD Apúlia: Stray, Tiago Rocha, André, Hélder, Ricardo, Trinta, Palinha (Manso, 82’), Marco Lima, Porfírio, Torres e Carlos Sousa (Geraldo, 82'). Treinador: Sérgio Lino.

ARÕES S.C.: Abreu, Vitinha (Cap.), Bruno, Duarte Nuno, Zézinho, César, Ibrahima, Romeu (Miguel Castro, 61'), Tiago, António (Ângelo, 61') e Piruta (Pinto, 80'). Treinador: Luís Gomes.

Texto e fotos: Rui Silva.

Sem comentários:

Enviar um comentário