domingo, 30 de maio de 2010

Pedro Castro: "Não me vou demitir e quero que olhem para nós como um exemplo."

Opinião: 
No final do jogo entre o Arões e o Louro, o presidente do Arões falou à comunicação social. Não se irá demitir e tudo fará, esperando o apoio de todos, para que o clube continue em constante desenvolvimento. Falou do treinador, Luís Gomes, e espera que tudo se resolva da melhor forma para se preparar a próxima época da melhor maneira"

"Evidentemente que chegar onde chegamos com muito esforço, com muito sacrifício, toda a época que o nosso grupo de trabalho viveu, estou mais triste por eles do que por mim, evidentemente que acalentávamos uma esperança muito grande de na última jornada podermos passar para o segundo lugar, no entanto esta classificação e esta época não é fruto do acaso, não pensem que o Arões foi um "outsider" deste campeonato, que fez um campeonato além das expectativas. Nós tinhamos capacidades para chegar á 30ªjornada e ter uma palavra ainda pela subida de divisão. Isso não foi possível, o Taipas e o Esposende estão de parabéns, desejo-lhes as maiores felicidades. No entanto, este 3ºlugar para nós, é lugar de pódio, todo o grupo está de parabéns e realmente já que não foi possível melhor, é um excelente lugar. Gostaríamos de mais, mas que todo o nosso esforço, todo o nosso empenho, a nossa união forte dentro do balneário semana a semana, jogo após jogo, que realmente seja um "valha a pena" continuarmos a trabalhar, e que quem pode ajudar que realmente olhe para este clube como um clube exemplar, que cumpre, que dignifica a freguesia, que dignifica o concelho de Fafe e que nos ajudem progressivamente que é aquilo que fazemos no dia a dia, melhorar cada vez mais as nossas infraestruturas que é o nosso objectivo e a subida de divisão passava também por isso.

O nosso objectivo será sempre, campeonato após campeonato, fazermos o melhor que estiver ao nosso alcançe, dentro sempre de muitas dificuldades. Sabemos que esta divisão é cada vez mais equilibrada, mais regular, há sempre vários aspectos que condicionam ou podem condicionar uma época desportiva, no entanto o Arões tem tido uma equipa estável ao fim de nove anos na divisão de honra e certamente continuará a ser e o nosso objectivo é fazer sempre boas épocas para termos coragem e força anímica para lutar pelo desenvolvimento desportivo do nosso clube, desta equipa que mereçe e para o ano podem contar connosco, a lutar pela melhor classificação possível.

Tenho mais um ano mas posso dizer que, à um ano atrás quando assumi mais um mandato da minha continuidadade no clube, disse na altura, em assembleia geral que quando chegássemos ao fim deste campeonato, que em função da evolução das obras, que teria o direito de repensar em toda a situação e demitir-me, porque contava chegar a esta altura e ter a obra ainda mais desenvolvida e o que está feito, foi feito porque nós nos pusemos á frente, nos empenhámos em avançar com as obras, com o processo da bancada e com os sacrifícios em termos de dinheiro e queria dizer àquelas pessoas que colaboraram connosco que continuem a colaborar mais porque, evidentemente que não me vou demitir e quero que as pessoas realmente olhem para nós como um exemplo e que nos apoiem muito e, se assim não for, não vale a pena porque estamos a sacrificar a nossa família, as nossas vidas, o nosso emprego e as coisas ficam mais ou menos da mesma forma.

O Luís Gomes gosta muito deste clube, vive isto com muito empenho, muita dedicação e ele é um dos principais responsáveis, ou o principal responsável para além dos jogadores, por esta época ter tido êxito. É uma pessoa que nunca dá descanso aos jogadores, sempre teve soluções para ultrapassar os problemas e barreiras. É um verdadeiro líder dentro do balneário, é um impulsionador-nato e por isso nós continuamos a contar com ele e ainda nao falamos sobre a próxima época pois queríamos dar tranquilidade para que esta chegasse ao fim com a maior tranquilidade possível e agora rapidamente vamos falar sobre isto e pensar em preparar a próxima época da melhor forma possível."

Sem comentários:

Enviar um comentário