domingo, 26 de setembro de 2010

Divisão de Honra: Arões SC, 0 - Forjães, 1

Opinião: 



Texto e fotos: Luís Peixoto.
.
A luta continua...
.
- Um grande Arões para um resultado tão pequeno...
.
Numa bela tarde de sábado a assistência era maioritariamente apoiantes do Arões e de Forjães apenas foram meia dúzia os que vieram.
.
Logo no primeiro minuto, canto para o Forjães que culmina com a bola por cima da barra com Paulo Jorge a controlar. Aos 4 minutos, lance de grande perigo para o Arões, com o remate a sair à figura do guardião Stray. No minuto seguinte, Tiago por muito pouco não desvia para golo um livre cobrado por Lameirão.
.
Aos 7', novamente Tiago a rematar por cima. Lameirão tentou a sua sorte pouco depois e rematou de fora de área, a bola passou ligeiramente ao lado da baliza.
.
Ao quarto de hora de jogo, canto favorável ao Forjães. O Arões cortou o lance de perigo, saiu em contra-ataque que terminou com remate por cima da barra por intermédio de Romeu. De seguida, num livre frontal à baliza do Forjães, Romeu dá um toque para Tiago que com violência bate na barreira.
Aos 23', resposta dos visitantes com um livre junto à lateral para o Forjães, Paulo Jorge resolveu e defendeu.
.
No minuto 29', Lameirão brilha pela direita ao controlar a bola passando pelo adversário, ganha o ressalto e coloca a bola a meia altura com força na pequena área mas não apareceu ninguém a tempo de concluir a bela iniciativa do extremo. E como quem não marca sofre, no lance seguinte, canto cobrado por Zé Aurélio e Kaka encosta para o fundo da baliza.
.
O Arões tentou responder à adversidade, com dois cantos mas sem sucesso. Nesta fase do jogo a equipa de Luís Gomes mostrava grande atitude e vontade para recuperar e entrar em jogo. Já nos últimos minutos da primeira parte Ibrahima caiu desamparado no pelado queixando intensamente, mas a grande personalidade e garra do jogador fez com que este prosseguisse em campo.
.
Ao intervalo saiu Hélder no Arões e entrou Ângelo que regressou à competição após lesão na pré-época.
.
Na segunda parte de registar o domínio do Arões, com grandes oportunidades para marcar. Arbitragem muito contestada pelos elementos em campo presentes, levando os adeptos que estavam a assistir ao encontro ao nervosismo total. Para refrescar o ataque Luís Gomes fez entrar André, tirando António.
Sensivelmente a meio da etapa complementar, Luís Gomes é expulso por ordem do árbitro auxiliar.
.
Tempo ainda para mais três expulsões, uma para o lado dos visitantes, por acumulação de amarelos e duas para o Arões. Romeu viu o cartão vermelho e reduziu os aronenses a dez elementos. Já bem parto do fim da partida, Duarte Nuno também desfalcou a equipa que ficou com nove elementos.
.
O final do jogo chegou e o Arões perdeu. Não se pode pedir mais desta equipa que deu tudo em campo e fora dele. Jogadores, equipa técnica, adeptos deram tudo o que podiam para o jogo ser favorável ao Arões.
.
As reclamações dos adeptos não têm sentido nenhum pois aqueles que estiveram em campo fizeram o seu trabalho tanto do lado do Forjães como do Arões. Já a equipa de arbitragem foi muito contestada mas isso não é nada que se possa fazer pois eles são os juízes do jogo e a decisão do resultado nunca vai ser daqueles que lutam pelo objectivo de ganhar.
.
Apesar da contestação de todos e os vermelhos quem perde no fim é o Arões. O Forjães esse foi o mais inteligente soube marcar e esperar que o jogo decorresse naturalmente.
.
Jogo realizado no Campo de Jogos do Arões Sport Clube, em Arões São Romão.
.
Árbitro: João Cardoso Vieira, auxiliado por Flávio Sousa e Valdemar Maia.
.
As equipas alinharam com:
.
ARÕES SC: Paulo Jorge, Vitinha (cap.), Duarte Nuno, F.Beijinhos , Zezinho, Ibrahima, Romeu, Lameirão (André), Tiago, António (Raimundo) e Hélder Silva (Ângelo). Treinador: Luís Gomes
.
FORJÃES SC: Stray, Ricky, Mané, Mouzinho, Zé Avelino, César, Zé Carlos, Kiko, Caniggia, Kaká e Ricardo (entraram ainda no jogo Rafa, Alfredo e Simão). Treinador: Fernando Pires.
.
Marcador: Kaka, 30'.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário