domingo, 21 de novembro de 2010

Div. Honra: Terras de Bouro, 2 - Arões SC, 0

Opinião: 
.
Texto e fotos: Pedro Correia
.
Bruno foi expulso em jogo decidido no último quarto de hora

O Arões deslocou-se ao reduto do Terras de Bouro, e não foi feliz. Primeira derrota do Francisco Branco no comando técnico aronense. Leia a crónica do jogo, por Pedro Correia.
.
Na primeira parte o equilíbrio foi a nota dominante, com o Terras de Bouro a assumir as despesas do jogo, mas sem conseguir criar situações de perigo, pois o Arões com serenidade controlou o jogo do Terras de Bouro, anulando quaisquer iniciativas dos homens da casa.
.
Oportunidade para o Arões, ao minuto 14, num lance em que Romeu faz um remate de meia distância, com a bola a bater num jogador do Terras de Bouro que quase traía o guarda redes Hélder. Outra, poucos minutos depois com Tiago na direita a cruzar e Miguel Castro sem oposição faz um remate de primeira mas este sai enrolado e passa ao lado da baliza.
.
Responderam os da casa ao minuto 18, com um livre frontal, Rui Alves na cobrança obriga Paulo Jorge a uma intervenção apertada. Na jogada seguinte, o Arões ganha um canto em que Miguel Castro cabeceia à figura de Hélder.
.
Jogava-se a um ritmo alto e ao minuto 24, após um erro defensivo da equipa da casa a bola sobra para Raimundo que já muito perto de Hélder ainda tenta um chapéu mas a bola passa ao lado da baliza. Este seria a melhor oportunidade da 1ª parte.
.
Para a segunda parte o técnico da casa Dinis Rodrigues mexeu na equipa, lançando Tiririca para o lugar de Roger. E a aposta sairia positiva pois logo aos 47’, o recém entrado Tiririca, com um bom drible de bola tira dois jogadores aronenses do caminho e obriga Paulo Jorge a uma defesa apertada. O Terras de Bouro jogava então no meio campo Aronense, mas seria Bruno aos 51’ à entrada do meio campo adversário a tentar a sua sorte, enviando a bola ao ferro da baliza de Hélder que seria apanhado de surpresa com este remate.
.
Seguiram-se duas substituições, ambas para cada equipa aos 62’: saiu Pi e entrou Moisés do lado terrabourense e aos 66’, Branco tira Raimundo e lança António na partida. E foi então que aos 74’ surgiu um lance duvidoso na área do Terras de Bouro, o árbitro nada assinala e no lance seguinte e após uma perca de bola dos homens do Arões, Tiririca, ao seu estilo dribla os homens que lhe surgem ao caminho, e remata forte para defesa incompleta de Paulo Jorge. O juiz da partida assinala penalti por uma suposta falta sobre Tiririca. Deste lance resultaria a expulsão de Bruno que viria o 2º cartão amarelo. Moisés fez o que se lhe pedia e transformou com êxito, em golo, o lance de penalti.
.
Com menos um atleta em campo, Branco tenta responder com a entrada de Lameirão aos 77’ para o lugar de Miguel Castro. Mas os Aronenses acusaram o golo sofrido e acabariam por consentir mais um golo para o Terras de Bouro aos 81’, num cruzamento pela esquerda e Dino a emendar de cabeça para o 2-0. Francisco Branco ainda com uma ténue esperança, retira Hélder Silva e lança o jovem Ângelo mas o marcador estaria fechado e acabaria mesmo no 2 a 0..
.
A entrada de Tiririca, a bola de Bruno à barra e o lance de penalti assinalado pela equipa de arbitragem foram os pontos-chave deste jogo. Os resultados deste fim-de-semana, com nenhum dos 5 primeiros classificado a vencerem os seus jogos, demonstra que este campeonato ainda tem muito para dar e realça o equilíbrio e qualidade de todas as equipas presentes na Divisão de Honra.
.
Jogo realizado no Municipal de Terras de Bouro, em Terras de Bouro.
.
Árbitro: Flávio Nuno Ferreira Sousa, auxiliado por José Carlos Costa Gomes e João Cardoso Vieira.
.
AD TERRAS DE BOURO: Hélder, Ciso, Peixe, Hernâni, Ché, Rui Alves, Pi (Moisés, 62’), Lelo, Roger (Tiririca, 46’), Dino (Goody, 86’) e Gama. Treinador: Dinis Rodrigues.

ARÕES SC: Paulo Jorge, Vitinha, Bruno, César, Zezinho, Romeu, Ibrahima, Miguel Castro (Lameirão, 77’) Tiago, Hélder (Ângelo, 81’), e Raimundo (António, 66’). Treinador: Francisco Branco.
.
Disciplina: Amarelos : Bruno (17’ e 73’) Dino (61’) Zezinho (73’) António (76’) Vermelho: Bruno, (74’ acumulação).
.
 Marcador: Moisés, 74’ g.p e Dino, 81’.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário