domingo, 13 de novembro de 2011

Div. Honra AF Braga: Ruivanense AC, 2 Arões SC, 3

Opinião: 
.
Texto e fotos: Rui Silva
.
O Arões deslocou-se a casa do Ruivanense 9º classificado, equipa que ainda não tinha sofrido qualquer derrota no seu recinto. Jogo em relvado sintético, mas de dimensões reduzidas, onde os homens da casa foram, durante a primeira etapa, a equipa que tomou as rédeas do jogo, mas diga-se, foi um domínio consentido pelos homens de Fafe. 
.
Aliás o Arões foi controlando o jogo e espreitou sempre o contra-ataque, e foi mesmo o Arões a ter as melhores oportunidades de golo. Num dos lances, um defesa Ruivanense negou de cabeça, o golo a Fernandes, seguiu-se novo lance com novamente a ser negado o golo ao Arões com novo alivio mas desta vez em cima da linha de golo e para terminar uma bola à barra. Saldo positivo para o Arões mas sem golos regressava aos balneários.
.
Na segunda parte o Arões procurou com mais objectividade o golo, adiantando-se mais no terreno e jogando no último terço do campo. 
.
E foi aos 66 minutos que o Arões se adiantou no marcador com Fernandes a responder de cabeça a um livre apontado por Romeu. Volvidos apenas 2 minutos, foi de novo Romeu que após recuperação de bola do Arões no meio campo, lançou Ângelo para a concretização do segundo golo, que perante Berto facturou elevando o marcador para 0-2. 
.
Mas esta vantagem durou pouco, pois ao minuto 71, um descuido de João, que cometeu uma falta sobre o adversário e consequente penalti assinalado pelo juiz da partida, que Vítor Hugo converteu, 1-2 e nova alteração no placar. 
.
Mas esta segunda parte teria ainda muito que contar, aos 75 minutos, na marcação de um canto, André ganha a bola de cabeça colocando-a ao 2º poste para Vitinha aumentar de novo a vantagem. 
.
Mas a injustiça surgiria um minuto depois para o infortunado André, que numa disputa de bola a meio campo com Nelinho, viu o cartão vermelho directo, numa falta sem qualquer motivo que o justificasse, deixando o Arões reduzido a 10 à meia hora de jogo. O Ruivanense numa falta sobre a direita à entrada da área, reduziu de novo, com Hugo a marcar o livre e a defesa Aronense falha a intercepção da bola traindo Paulo Jorge que não teve reacção para se fazer ao lance. 
.
E foi já com o jogo a terminar que o juiz da partida assinalou penalti aos 96 minutos, contra o Arões por suposta falta de Fernando Beijinhos sobre Nelinho, situação muitíssima duvidosa que deixou os adeptos vindos de Fafe, furiosos com a decisão tomada. Mas Paulo Jorge negou desta feita o golo a Hugo, segurando a vitória, justa, para o Arões que acabou por merecer os 3 pontos.
.

O Arões desloca-se agora ao reduto do Mosteiro, no próximo Domingo pelas 15:00 horas, em jogo a contar para a Taça AF Braga. Na próxima ronda do campeonato, a equipa de Francisco Branco recebe o Taipas.
.
Jogo realizado no Campo de Jogos Capitão Fonseca
.
ÁRBITRO. João Vieira; Auxiliares: Ruben Caldas e Marcelo Costa
.
RUIVANENSE AC: Berto, Mateus, Tuka (Nelinho 67 min.), Rui, Hugo, Peixoto, Stéphane (João Miguel 71 min.), Macedo (cap.), Vítor Hugo, Trinca e Hélder. Treinador: Tiago Cunha.
.
ARÕES SC: Paulo Jorge, João, Fernando Beijinhos, Bruno Faria, Vitinha (cap.), Fernandes, César, Romeu, Pedro Rosita (Bruno Cunha 87 min.), Rui Ossos (André 67 min.) e Ângelo (Ismael 92 min.). Treinador: Francisco Branco.
.
Marcadores: Fernandes (66 min.), Ângelo (69 min.), Vítor Hugo (71 min.), Vitinha (75 min.), Hugo (g.p. 86 min.).

Disciplina - Cartão Amarelo: Fernandes (27 min.), Hugo (45 min.), Tuka (48 min.), Bruno (51 min.), Peixoto (54 min.), Bento (66 min.), João (71 min.), Pedro rosita (87 min.), Ismael (90 + 3 min.), Fernando Beijinhos (90 + 6 min.). Cartão Vermelho :  André (76 min.)
.

Sem comentários:

Enviar um comentário