sábado, 14 de abril de 2012

Div. Honra: Arões SC, 2 - Santa Eulália, 4

Opinião: 
.
Texto: Ricardo Castro | Fotos: Rui Silva
.

Mais eficaz Santa Eulália que São Romão
.
- Arões acabou com 9 mas lutou até ao fim
.
Na receção ao líder do campeonato, o Arões foi derrotado por quatro bolas a duas, num jogo à partida difícil e que se revelou ainda mais no seu decorrer quando o Arões, já em desvantagem por 0-1, viu Duarte Nuno sair lesionado, Fernando Beijinhos ser expulso em três minutos, sofrendo o segundo golo ao fechar a primeira parte e logo a abrir a etapa complementar viu-se reduzido a 9 elementos, por expulsão de Ângelo. A equipa de Paulinho não foi inferior, lutou muito em inferioridade numérica e ainda entrou na discussão do resultado mas os vizelenses foram mais eficazes e acabaram por somar mais três pontos.
.
O Arões foi quem entrou melhor na partida, com André muito ativo na frente a obrigar logo aos 2’ e aos 12’ o guarda-redes Espinha a intervir com alguma dificuldade.
.
Mas foi o Santa Eulália que inaugurou o marcador, com Zeze a aproveitar uma má saída do Arões para o ataque, servindo Carlitos que à entrada da área rematou de primeira para o golo, colocando a bola fora do alcance de Paulo Jorge.
.
Em desvantagem, a equipa de Paulinho soube reagir e aos 22’, numa boa jogada entre Ângelo e Raimundo, com o primeiro a cruzar, André, com espaço, não soube aproveitar melhor a soberana oportunidade, quase que oferecendo a bola a Espinha.
.
As contrariedades para o Arões começaram a surgir a partir dos 27 minutos, quando Duarte Nuno saiu lesionado e dois minutos depois, Fernando Beijinhos foi expulso por acumulação de amarelos.
.
Foi a partir de aqui que o Arões perdeu algum fulgor e capacidade de sair para o ataque e mesmo no ultimo lance da primeira parte, o Santa Eulália fez o 0-2 por Carlitos, num contra-ataque bem elaborado, com o qual terminou a primeira parte.
.
A segunda parte não podia ter começado pior para o Arões, que viu Ângelo ser expulso aos 52’ por uma entrada dura sobre um adversário, à saída da área dos visitantes. Contudo, a equipa de Paulinho, mesmo reduzida a 9, conseguiu fazer o 1-2 aos 55’, por André, numa boa execução à entrada da área adversária, a passe de Ismael.
.
Aos 64’, contra-ataque bem conduzido por Bruno Cunha mas na finalização Ismael pecou e atirou ao lado. Quatro minutos depois, lance duvidoso na área dos vizelenses, com um remate forte de Ismael a ser tocado com o braço por um jogador contrário. O árbitro nada assinalou.
.
Aos 71’, Paulo Jorge fez a melhor defesa do jogo, a um desvio de Zeze na pequena área. Contudo, o guarda-redes local não foi capaz de impedir o 1-3, na sequência do canto que procedeu o lance, com Luís Cunha a surgir solto, cabeceando para o golo.
.
Dois minutos depois, contra-ataque mais uma vez bem sucedido dos vizelenses, numa altura em que o Arões dava o tudo por tudo, com Zeze a ver Paulo Jorge muito adiantado, fazendo um chapéu perfeito para o 1-4.
Mas a valentia dos jogadores do Arões foi grande e pouco depois, aos 76’, Ismael fez o 2-4, desviando na área após um livre direto.

Os aronenses bem lutaram mas o resultado não mais se alterou e é com os mesmos 40 pontos que a equipa de Paulinho se mantem, no 5º lugar, isto se o GD Prado não vencer o Terras de Bouro nesta jornada. Arbitragem sem influencia direta no resultado, não havendo fora-de-jogo no segundo golo do Santa Eulália, podendo ter sido assinalado um penalti aos 68’ a favor do Arões. Algum excesso no capitulo disciplinar com a exibição de 9 cartões amarelos e de 2 cartões vermelhos.
.
Jogo realizado no Parque Desportivo do Arões Sport Clube, na Vila de Arões São Romão, Fafe.
.
Árbitro: Flávio Sousa, auxiliado por Jorge Oliveira e Paulo Rodrigues.
.
ARÕES SC: Paulo Jorge, João (Pedro Rosita, 55’), Duarte Nuno (Bruno Faria, 29’), Fernando Beijinhos, Vitinha (cap.), Ibrahima, Bruno Cunha, Ismael, André, Ângelo e Raimundo (Brinca, 70’). Treinador: Paulinho Soares.
.
CCD SANTA EULÁLIA: Espinha, Tiago, Luís Cunha, Basílio, Armando Pinto, Xavier, Vilela (Tiago Monteiro, 66’), André Cunha, Nélson (cap.), Zeze e Carlitos (Filipe M., 79’). Treinador: João Fernando.
Marcador: André, 55’ e Ismael, 76’; Carlitos, 16’ e 45’, Luís Cunha, 72’ e Zeze, 74’.
.
Disciplina – cartões amarelos: Fernando Beijinhos, 26’ e 29’, Vitinha, 27’, João, 53’, Bruno Cunha, 60’ e Bruno Faria, 91’; Armando Pinto, 59’, Vitinha, 82’ e Xavier, 83’. Cartões vermelhos: Fernando Beijinhos, 29’ e Ângelo, 52’.

Sem comentários:

Enviar um comentário