sábado, 22 de setembro de 2012

Div. Honra AF Braga: Arões SC, 3 - FC Amares, 1

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Rui Silva
.
Hat-trick de Raimundo
.
O Arões conquistou, nesta tarde de Sábado, a sua segunda vitória no campeonato, dando seguimento ao triunfo da jornada anterior, ao bater o Futebol Clube de Amares por 3-1. Raimundo foi o homem do jogo, ao assinar um hat-trick, fundamental na conquista dos três pontos, após os forasteiros terem inaugurado o marcador. Mas neste desafio levou mesmo a melhor a equipa que tinha a melhor defesa no campeonato, diante do melhor ataque até então.
.
A equipa da casa entrou melhor no jogo e aos 6’, livre tenso de Bruno com o guardião Renato a tirar da zona de perigo. No minuto seguinte, cruzamento de Zezinho após boa jogada de Ismael e Brinca, em esforço, cabeceou pouco por cima.
.
Mas foi o Amares quem se adiantou no marcador, aos 13’, com a bola a ser enviada para a área e Hélder, à ponta de lança, em queda, rematou para o 0-1, sem hipóteses para Paulo Jorge, tendo a bola ainda batido na trave antes de entrar. Um contra ataque rápido e bem executado, deixando claro porque é que era a equipa com mais golos até agora no campeonato.
.
Contudo, a resposta do Arões foi imediata. Três minutos depois, Romeu faz um passe longo para Brinca, que cruza rasteiro pela direita, Renato falha ao defender e Raimundo, ainda com a pressão de um adversário, encostou para a igualdade.
.
Mas ainda o Arões festejava o golo do empate e os visitantes quase que chegavam a novo golo, com a bola a ser salva mesmo em cima da linha de baliza. Aos 19’, Romeu desfere um remate inesperado de fora da área para apertada defesa de Renato.
.
Aos 24’, o Arões completa a reviravolta no marcador. Lançamento lateral de Bruno, Zezinho cruza frouxo e rasteiro, com a bola a sobrar para Raimundo que remata de primeira à entrada da área com êxito. No entanto, fica a ideia que Renato não vê a bola partir, pela forma como abordou o lance.
.
O jogo, até então muito intenso e aberto, acalmou até ao apito para o intervalo. Destaque para uma oportunidade perdida de forma incrível para o Arões, aos 30’, quando Bruno consegue ficar perante Renato, que evitou o drible do médio aronense e na recarga Raimundo remata e vê a bola bater na bota do colega, perdendo-se um golo certo.
.
A segunda parte abriu com uma clara oportunidade para o Arões, com Ismael, solto na área, atira por cima da baliza. Na resposta, aos 53’, cruzamento da esquerda de Hélder e Xavier, ao segundo poste, remata e vê a bola passar muito perto da baliza.
.
Aos 61’, Ismael tenta o chapéu mas a bola passou um pouco por cima.
.
Dois minutos volvidos, Ângelo pica a bola por cima de dois adversários, a bola sobra para Bruno que entra na área pelo flanco direito e assiste Raimundo que só teve de completar a jogada com o desvio para novo golo, fazendo o hat-trick no jogo e o 3-1 no marcador.
.
O Amares pouco perigo criou na segunda parte e o Arões geriu bem a vantagem até final, podendo, aqui ou ali ter feito pelo menos mais um golo. Aos 72’, livre frontal de Costa que obrigou Renato a defender a dois tempos. O treinador forasteiro, Paulo Faria, operou mudanças na equipa na etapa complementar mas tal não deu frutos. O Arões foi exímio no capítulo colectivo, desde a defesa ao ataque e conquista três pontos com toda a justiça. Boa arbitragem, sem lances relevantes ou dignos de análise quanto à influência no resultado.
.
Jogo realizado no Parque Desportivo do Arões Sport Clube, na Vila de Arões São Romão.
.
Árbitro: José Carreira Silva, auxiliado por Miguel Silva e Rui Amaral.
.
ARÕES SC: Paulo Jorge, André, Keke, Costa, Zezinho, Óscar, Bruno (Fernandes, 88’), Romeu (cap.) (Pedro Pinto, 80’), Ismael (Ângelo, 62’), Raimundo e Brinca. Treinador: Miguel Paredes.
.
FC AMARES: Renato, Xavier, Zé Pedro, André (Filipe, 49’), Fujaco, Rui (Jeremy, 60’), Gel (Vieirinha, 69’), Ginho, Pedro Reis, Hélder e Petit. Treinador: Paulo Faria.
.
Disciplina – cartões amarelos a: Bruno, 45’; Hélder, 55’; Keke, 70’; Pedro Reis, 72’ e Zé Pedro, 84’.
.
Golos: Raimundo, 16’, 24’ e 63’; Hélder, 13’.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário