domingo, 28 de outubro de 2012

Div. Honra: Forjães SC, 1 - Arões SC, 1

Opinião: 
Texto e fotos: Rui Silva
.
Valeu pela segunda parte

.
- Arões lidera a par do Vieira e do Prado

Bela tarde de Outono em Forjães, com cerca de duas centenas de adeptos nas bancadas, das quais 10 % seriam do Arões, preparadas para assistirem à 8ª jornada do campeonato.

Quanto ao jogo, os atletas de Miguel Paredes tiveram "uma falta de comparência” no primeiro tempo. Sofrendo o golo aos 7 minutos, o Arões não apareceu durante toda a etapa inicial. O Forjães com o seu jogo direto e com a pressão imediata sobre o homem da bola, causou muitas dificuldades na organização de jogo do Arões, pese embora cada lance disputado para os fafenses era uma “dor de cabeça”.
.
E aos 15 minutos novo susto na defensiva Aronense, com a hipótese gorada do Forjães ampliar para 2 a 0. Mas o Arões não tinha “acertado o relógio” desde o apito inicial. Ainda antes do intervalo, duas oportunidades para os da casa, uma mesmo flagrante com o capitão Paulo Gomes na pequena área a atirar por cima da baliza à guarda de Paulo Jorge. O Arões apenas teve um lance em que Ângelo na zona do penalti remata por cima.
.
A ida aos balneários, fez com que o Arões “acertasse os ponteiros”, duas alterações no regresso ao pelado, saiu Ismael e Ângelo e entrou Brinca e Tiago Nogueira. Via-se então uma equipa transfigurada, com outra postura e a disputar cada lance com afinco.
.
E no minuto 48, após um corte de cabeça defeituoso do guarda redes Rafa, a bola sobra para Brinca que de 1ª remata ao poste. Finalmente o Arões “chegava” ao jogo, Romeu de regresso ao onze, tentou também a sua sorte mas o remate saiu fraco ao lado. Mas os “guerreiros” de Esposende, na marcação de um canto direto poderiam ampliar o marcador não fosse Zézinho em cima da linha de golo a impedir de cabeça, a bola de entrar. .
.
Ao minuto 60, num lance ao 1º toque, Raimundo desvia para a entrada de Bebeto na zona frontal e com um simples toque remata fora do alcance de Rafa, igualdade já merecida para o Arões. Aos 64 minutos uma falha de interceção de Keke, deixa dois atacantes isolados perante o desamparado Paulo Jorge, que saindo-se quase ao limite da grande área faz uma “mancha” enorme impedido o golo do Forjães.
.
Mas o jogo estava mais virado para a baliza de Rafa, que no minuto 74 vê Raimundo em plena área rematar ao lado. O Arões estava por cima e ia criando perigo, houveram hipóteses para o segundo, tais como o lance de Tiago Nogueira que na linha da pequena área, de primeira um remate fraco ao lado. Miguel Paredes ainda lançou outro atacante, Trinca, na tentativa de chegar ao golo, mas o empate seria o resultado final.
.
Local: Estádio Horácio de Queiroz  – Forjães - Esposende
.
ÁRBITRO. José Carlos Silva; Auxiliares | Armindo Duarte e Luís Monteiro
.
FORJÃES SC: Rafa, Tony, Orlando, Helder, Filipe Edgar (Chica, 78), Gaby, Né (Jardel, 73), Paulo Gomes _cap. (Postiga, 88), Fial, Tó Mané e Tiago. Treinador: Zé Miguel.
.
ARÕES SC: Paulo Jorge, Tiago Costa, Kéke, Ricardo Costa, Zézinho, Fernandes, Bebeto, Romeu _cap., Ismael (Brinca, 45), Ângelo (Tiago Nogueira, 45) e Raimundo (Trinca, 88). Treinador: Miguel Paredes.
.
Disciplina - cartão amarelo: Bebeto, 12; Tiago, 30; Ângelo, 34; Tiago Nogueira, 76; Paulo Gomes, 79; Keke, 90+2.
.
Marcador: Tiago, 7; Bebeto, 60.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário