sábado, 9 de fevereiro de 2013

Div. Honra AF Braga: Arões SC, 0 - Celeirós, 1

Opinião: 


Texto: Ricardo Castro | Fotos: Rui Silva
.
Perder custa, mas assim…
.
- Golo sofrido ao cair do pano ditou derrota
.
Há dias em que mais vale nem sair de casa. Lesão de Keke logo aos dois minutos, algumas oportunidades de golo falhadas perante uma equipa aguerrida mas com antijogo total na segunda parte, e um golo a quarenta metros da baliza já para lá dos 90 minutos. Desta forma se resume a segunda derrota caseira do Arões na Divisão de Honra, com a equipa de Miguel Paredes a descer ao 6º lugar, por troca com o próprio Celeirós.
.
O jogo não podia ter começado pior para o Arões, com a lesão de Keke logo ao segundo minuto de jogo. João Martins entrou para a lateral esquerda e Zezinho passou para central.
.
Foi uma primeira parte que primou mais pela luta do que pelo bom futebol, dada a dureza e muitas faltas feitas pela equipa forasteira, que vinha moralizada pelas seis vitórias consecutivas e que não ia permitindo ao Arões impor o seu futebol.
.
Destaque para dois livres de Gijo, o primeiro aos 17’, com Raimundo a desviar após alguma confusão na área mas Malhão defendeu em cima da linha. O segundo foi aos 37’, descaído para a direita, com Raimundo e Tiago Nogueira a surgirem soltos ao segundo poste e a meias enviaram a bola ao ferro.
.
Na segunda parte, o Arões procurou o golo e aos 51’, após novo livre de Gijo, da esquerda, Raimundo cabeceou em boa posição mas a bola passou ao lado.
.
Com uma hora de jogo e após um canto de Bebeto, desvio de Costa ao segundo poste, bicicleta de Brinca à entrada da área e Ismael a desviar junto à pequena área mas um defesa do Celeirós interceptou o esférico.
Aos 74 minutos, contra-ataque perigoso para o Celeirós, com remate de Belela, mas Carneiro salvou a equipa aronense. 
.
Volvidos quatro minutos e em boa posição na área, Raimundo não aproveitou da melhor maneira e rematou ao lado.
.
O Arões não conseguiu marcar e no terceiro de seis minutos de compensação, disputa de bola no meio campo, com a bola a sobrar para Perry que rematou a 40 metros da baliza, batendo Carneiro que estava ligeiramente adiantado e não conseguiu parar o remate. Para surpresa para todos os que assistiam ao jogo, estava feito o golo do Celeirós, para grande desilusão e frustração dos aronenses.
.
Até final o resultado não se alterou e a equipa de Miguel Paredes voltou a perder, num desafio em que a sorte esteve toda do lado dos visitantes, que fizeram faltas sem conta e mostraram eficácia num lance caído do céu já no fim do encontro.
.
Muito público foi nota de destaque em Arões
No próximo fim-de-semana, o Arões recebe o Pevidém, em jogo a contar para os oitavos-de-final da Taça AF Braga.
.
Jogo realizado no Parque Desportivo Centro Para a Formação e Juventude de Arões.
.
Árbitro: Rui Silva, auxiliado por Vítor Ferreira e Pedro Sá.
.
ARÕES SC: Carneiro, Tiago Costa, Ricardo Costa, Keke (João Martins, 2’), Zezinho, Fernandez, Bebeto, Gijo (Billa, 72’), Ismael, Tiago Nogueira (Brinca, 58’) e Raimundo (cap.). Treinador: Miguel Paredes.
.
CELEIRÓS: Malhão, Tiago, Júlio, Nélson Feliz (cap.), Bruninho (Belela, 72’), Ruisinho, Perry, Bruno, Bruno Mota (Police, 57’), Célder e Marinho (Luisinho, 89’). Treinador: Jorge Macedo.

Disciplina – cartões amarelos a: Bruninho, 19’, Tiago Nogueira, 29’, Célder, 30’, Ricardo Costa, 45’, Bruno, 50’, João Martins, 52’, Belela, 78’, Marinho, 78’, Raimundo, 81’, Júlio, 89’ e Bebeto, 90+6’.
.
Marcador: Perry, 90+3’.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário