domingo, 31 de março de 2013

Taça AF Braga: Dumiense, 0 - Arões SC, 1

Opinião: 

Texto e fotos: Rui Silva
.
Ângelo garantiu passaporte para as meias
.
- Nunca o Arões chegou tão longe na prova
.
O Arões deslocou-se a Braga para defrontar uma equipa de escalão inferior, mas ciente da qualidade do seu adversário, pois o Dumiense é líder isolado da serie A da 1ª Divisão da AF Braga.
.
A equipa de Miguel Paredes entrou bem no jogo e teve nos pés de Ângelo uma boa oportunidade aos seis minutos, ganhando um canto que nada deu. Respondeu Sandro aos 11 minutos de cabeça, mas sem acertar no “alvo”.
.
Ao quarto de hora surge o golo para o Arões, após várias disputas da bola, a bola é metida para o coração da área, aparecendo Ângelo que de pronto rematou para o fundo das redes, sem que Marquinho esboçasse reação.
.
O Dumiense pouco reagiu, e foi mesmo o Arões a ter uma soberba oportunidade de golo, aos 25 minutos. Após uma defesa de recurso de Marquinho, a bola sobra para Fernando Beijinhos que surpreendido cabeceia, com a baliza aberta e Marquinho no chão, por cima. E assim se manteve o resultado até ao intervalo.
.
A segunda parte trouxe uma equipa de Dume mais agressiva, mas foram os aronenses Ângelo e Gijo a verem a cartolina amarela aos 4 e 5 minutos de jogo. O Arões dispôs de nova oportunidade aos 50 minutos, após Ismael ter ganho a disputa de bola na área contrária, perde o controlo da bola perante Marquinho. Paulo Pires queria mais da sua equipa e aos 59 minutos lança Vítor para o lugar de Pintas, mas é o Arões a criar perigo na área do Dumiense, com Zézinho a responder a um cruzamento ao 2º poste, mas a cabecear para fora.
.
Só à meia hora de jogo, o Dume tenta o golo, com Tiririca a rematar forte de fora da área, obrigando Paulo Jorge a esticar-se evitar o golo. Este lance empolgou a equipa da casa que teve no último quarto de hora o domínio do jogo, criando em alguns lances de bola parada perigo para a baliza de Paulo Jorge. 
.
Com demasiados cartões mostrados por André Salazar, Miguel Paredes retirou do meio campo Gijo e bruno Cunha, já amarelados, entrando André e Raimundo, dois elementos que estariam, nos seis minutos de tempo extra, perto do golo.
.
Roque por sua vez teve aos 95 minutos a última oportunidade de golo da partida cabeceando para fora.

O Arões com o golo de Ângelo, fez história, apurando-se pela primeira vez para as meias-finais da Taça da AF de Braga. Não só o golo de Ângelo mas toda a equipa esteve em bom plano, com realce para o bom desempenho da defensiva Aronense nos 15 minutos finais em que o Dume colocou “a carne toda no assador”.
.

Segue-se no próximo Domingo, nova jornada para o campeonato em Arões, com a recepção ao Gerês no Domingo devido à realização do WRC Fafe Rally Sprint em terras fafenses. Para os mais distraídos relembramos que os jogos já se realizam às 16h00.

.
Jogo realizado no Campo Celestino Lobo, em Dume.

Árbitro: André Salazar, auxiliado por Tiago Ribeiro e Pedro Gonçalves.

DUMIENSE FC: Marquinho, Davis Banana, Zé, Roque, Flávio, Roberto (Vieira, 82’), Cadote (Miguel Banana, 86’), Tiririca, Sandro, Zé Miguel e Pintas (Vítor, 59’). Treinador: Paulo Pires.

ARÕES SC: Paulo Jorge, Tiago Costa, Ricardo Costa, Fernando Beijinhos_(cap.), Zezinho, Óscar, Fernandes, Bruno Cunha (Billa, 77’), Gijo (André, 64’), Ismael e Ângelo (Raimundo, 87’). Treinador: Miguel Paredes

Disciplina – cartões amarelos: Tiago, 21; Bruno, 33’; Roberto, 39’; Zé Miguel, 42’; Fernandes, 45’; Ângelo, 49’; Gijo, 50’; Flávio, 63’; Óscar, 71’; André, 78’; Billa, 81’; Zé, 86’; Ricardo Costa, 95’ e Sandro, 96’.

Marcador: Ângelo, 15’.

sábado, 30 de março de 2013

Jun. 1ª Div. AF Braga: Arões SC, 5 - Airão, 1

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Rui Silva
.
Reviravolta com mão cheia na segunda parte
.
- Golos de Miki (2), Fumega, Antunes e João
.
Os Juniores do Arões voltaram às vitórias e logo em modo goleada. Na recepção ao Airão, último classificado, triunfo por 5-1, num jogo que não foi tão fácil como o resultado evidencia, especialmente pela primeira parte, que chegou ao fim com 0-1 no marcador. Mas os fafenses deram boa réplica na segunda parte, conseguiram a reviravolta e marcaram uma mão cheia de golos, que resultaram numa vitória importante e moralizadora para a formação de Rui Almeida.
.
O Arões entrou melhor mas foi mesmo o Airão a inaugurar o marcador, numa das poucas oportunidades claras de golo de que dispôs. Ainda antes do intervalo, Zé Dias quase que empatava, ao cabecear uma bola à trave. A ineficácia foi mesmo a nota dominante na equipa aronense nos primeiros 45 minutos.
.
Mas na segunda parte o rumo do jogo mudou. Logo a abrir, Zé Dias voltou a cabecear à trave. Mas o empate chegaria pouco depois, por Fumega, que na tentativa de cruzar acabou por fazer o 1-1.
.
Embalados pelo golo, os comandados de Rui Almeida completariam a reviravolta logo a seguir, por Miki, a rematar na área, sem hipóteses para o guardião vimaranense. O mesmo Miki iria bisar e fazer o 3-1, num remate à entrada da área, fazendo um golo de belo efeito.
.
Antunes fez o 4-1, num grande golo na sequência de um livre lateral e pouco depois o mesmo jogador podia ter aumentado a vantagem, num remate do meio da rua que bateu no poste.
.
Perto dos 90 minutos, João respondeu da melhor maneira a um canto, cabeceando certeiro para o 5-1 final. 
.
Foi uma segunda parte de boa qualidade do Arões, que conseguiu responder à desvantagem e somar três pontos importantes.
.
O Arões alinhou com: Luís, Teixeira (Marco), João, Jorge, Bruno, Antunes, Presunto, Nuno (Caché), Miki, Fumega (cap.), Zé Dias (Baleu). Treinador: Rui Almeida.
.

sexta-feira, 29 de março de 2013

Agenda desportiva de fim-de-semana

Opinião: 
Fonte: Blog Arões SC
.
.
NOTA: Os restantes escalões do Arões Sport Clube participam até este Sábado na Fafe Foot, Torneio de Futebol Juvenil habitualmente realizado pela Páscoa, nos relvados sintéticos do concelho, pelo que não disputam desafios relativos aos seus campeonatos. 
.

terça-feira, 26 de março de 2013

Arões está fora da Liga Futsal Fafetur

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Pedro Veloso
.
Derrota diante do Moreira ditou eliminação
.
O Arões sucumbiu diante do Moreira de Rei e foi eliminado da Liga de Futsal Viagens Fafetur, ao não conseguir um dos primeiros dois lugares que dariam acesso à fase seguinte. Derrota por 4-1 diante da equipa moreirense, que se apurou no 2º lugar, com o Leões do Ferro a apurar-se em primeiro.
.
Na primeira parte e apesar da vontade demonstrada por ambas as equipas, o intervalo chegou com 0-0 no marcador. Mas na segunda parte o Moreira acabou por surpreender e fez o 1-0. Contudo, o Arões ainda chegou ao empate num grande golo de Rui Soares, num remate fora da área. O Moreira não se retraiu e viria mesmo a provocar surpresa e com um bis de Carvalho aumentou para 3-1, com o quarto golo a chegar já perto do fim.
.
Apesar do grupo equilibrado em que se inseria, o Arões era dado como favorito para se apurar e até em 1º lugar, além do Vinhós, mas a situação foi totalmente invertida em campo e as equipas do Leões do Ferro e do Moreira de Rei é que acabam por seguir em frente.
.
Ao Arões de José Salvador, resta agora a Taça Cidade de Fafe, onde disputará o acesso à final diante do Sol Poente.
.

domingo, 24 de março de 2013

Div. Honra AF Braga: CF Fão, 2 - Arões SC, 2

Opinião: 

Texto e fotos: Rui Silva
.
E “Fão” dois pontos perdidos
.
- Muitas oportunidades para apenas dois golos marcados
.
Os Aronenses imaginariam com deslocação a Fão, trazer 3 pontos na bagagem, mas os jovens Fangueiros com o esquema bem montado, foi-se aguentando e desferiu perto do final um contra-ataque venenoso.

Arões entrou na partida quase a perder, na sequência de um livre Ricardo sem dificuldade a inaugurar o marcador para os Fangueiros. O Arões naturalmente reagiu, comandou e balanceou-se no ataque. Seguiram-se uma serie de lances de bola parada junto à baliza de Marafona, mas sem lucro para os Aronenses. 
.
Ao minuto 27, bom lance delineado sobre a esquerda, com a bola metida nas costas dos defesas e Ângelo surge só na área, mas a bandeira já estava no ar. Minuto 34, Ismael na pequena área remate forte por cima. Nova oportunidade desperdiçada por Óscar, ao minuto 36’, quando à boca da baliza, entrega a bola a Marafona. O Arões estava por cima e teve até ao intervalo instalado no último terço do terreno. 
.
Foram várias as ocasiões de golo, ao minuto 41 dupla falha, no mesmo lance Ismael e Raimundo não conseguiram o golo. Nos términos da 1ª parte Ismael à entrada da grande área remata forte ao poste.

O 2º tempo começa com a mesma batuta do 1º e aos 52 minutos num cruzamento de Ismael, aparece Zézinho, como uma flecha a cabecear para o golo do empate. O Arões dominava a partida e o técnico Augusto Neves refresca a equipa com duas substituições no espaço de 2 minutos.
.
Minuto 65, Tiago Costa em bom plano, insiste sobre a direita, cruza e Ângelo a cabecear com perigo mas a bola sai ao lado. Raimundo também teve nos pés aos 68 minutos, uma boa oportunidade, não fosse a bola fugir-lhe após um mau domínio, quando se encontrava só perante Marafona.
.
Miguel paredes acabaria por o retirar da partida, lançando André para a frente de ataque. O Fão assistia no seu meio campo defensivo e limitava-se a responder em contra-ataque, como o fez ao minuto 74 por Ayméric, que percorreu meio campo, para depois rematar fraco ao lado. Aos 79 minutos Ângelo também tentou o golo sobre a linha de fundo, mas apenas ganhou um canto. Nova mexida no Arões, sai Óscar do meio campo e entra mais um homem de ataque Ivo.
.
O Arões tentava romper a defensiva Fangueira, mas nem sempre da melhor forma. Aos 84 minutos os dois técnicos queimam as substituições, entrando João para o lugar de Ângelo e Tiago Araújo para o lugar de André Lima. E no minuto seguinte após um lançamento a favor do Arões, os homens do Fão recuperam a bola e lançam um conta-ataque mortífero com Joel a não falhar perante Carneiro. Balde de água fria para os poucos adeptos na bancada, vindo de Fafe.
.
O Arões não atirou a toalha ao chão e aos 88 minutos Ismael numa boa iniciativa percorre a linha de fundo, rematando para as mãos de Marafona. Ivo também quis mostrar serviço e em cima do minuto 90, numa boa iniciativa cruza ao 2º poste onde surge André a emendar para o golo da igualdade. Ivo teve ainda um forte remate obrigando Marafona a defender em dois tempos mas tempo esgotou-se e a partida acabou com a repartição de pontos.

Perante o penúltimo classificado o Arões apenas pode queixar-se de si próprio, dado que teve aqui uma boa oportunidade de somar mais três pontos.
.
Local: Complexo Desportivo Futebol Clube Fão.
.
ÁRBITRO. Jorge Alvim; Auxiliares | Flávio Sousa e José Araújo.
.
FC FÃO: Marafona, Tita, Ricardo, Carlos (Aymeric, 59‘), André Lima (Tiago Araújo, 84’), Rato, Paulino, Davis Lima, Simão (Joel, 61’), Filipe Santos e Tiaguinho. Treinador: Augusto Neves.
.
ARÕES SC: Carneiro, Vítor Beijinhos, Ricardo Costa, Tiago Costa, Zézinho, Óscar (Ivo, 80’), Gijo, Bruno Cunha, Ângelo (João, 84’), Ismael e Raimundo (André, 73’). Treinador: Miguel Paredes.

Disciplina - Cartão amarelo: Paulino, 35’; Raimundo, 59’; Bruno Cunha, 68’; David Lima, 79’; Tiago Costa, 79’.
.
Marcador: Ricardo,7’; Zézinho, 52’; Joel, 85’; André, 90’.
.

Iniciados - 2ª Div. AF Braga: Arões SC, 3 - GD Golães, 2

Opinião: 

Texto: Ricardo Castro | Fotos: Luís Peixoto
.
Auto-golo perto do fim decidiu derby
.
- Grande emoção no jogo entre vizinhos
.
O Arões venceu o Golães no derby fafense da Série C da 2ª Divisão Distrital, em Iniciados. Um jogo muito bem disputado entre o 2º e 7º classificados, que estavam separados por 21 pontos à partida para este jogo. Mas a diferença pontual não se fez notar na maior parte dos 70 minutos, com o Golães a dar boa réplica e a conseguir dar a volta ao resultado após ter estado a perder por 1-0. Mas o Arões havia de empatar logo de seguida e um auto-golo a quatro minutos do fim acabou por dar a vitória à equipa de Gijo.
.
A primeira parte mostrou equilíbrio entre as equipas, tal como na maior parte do jogo, com o Arões a impor o seu bom futebol mas sem conseguir chegar com perigo à baliza de Telo.
.
Apesar disso, seria a equipa aronense a inaugurar o marcador aos 23 minutos, por Telmo, que após receber um passe a rasgar a defensiva forasteira, entrou na área, driblou um adversário e rematou colocado com o pé direito, meio em chapéu, com a bola a entrar junto à esquina da baliza. Um grande golo de um jogador que tem dado cartas ao longo da época.
.
Mas o Golães não se retraiu e acabou por chegar ao empate aos 27 minutos. Canto da direita de Tiago Cunha e Diogo a cabecear ao segundo poste, sem oposição, batendo Álvaro e a fazer o 1-1.
.
Para a segunda parte, o treinador do Arões colocou três habituais titulares em campo, João Freitas, Fred e Damião, para refrescar e dar acutilância atacante ao jogo da equipa.
.
E logo a abrir, grande oportunidade para o Arões, com Damião a rematar na área mas o melhor que conseguiu foi um canto. Na sequência do lance, Marcelo colocou a bola na área e Emanuel cabeceou mas Telo defendeu.
.
E aos 44 minutos, o Golães deu mesmo a volta ao marcador, num lance idêntico ao golo do empate. Canto de Tiago Cunha do lado esquerdo e Bruno Ribeiro a aparecer ao primeiro poste e a cabecear de forma exemplar para o 1-2.
.
O Arões pareceu despertar com a desvantagem, talvez algo surpreendente, mas também fruto da garra que o Golães demonstrava. E aos 48 minutos, surgiu mesmo o empate. Após um canto do lado esquerdo, Marcelo cruzou tenso para o coração da área, Damião dominou com o peito e à meia volta rematou de pé esquerdo para o fundo da baliza. Um golo de belo efeito que restabelecia a igualdade.
.
A equipa aronense continuava a carregar e aos 52 minutos, livre frontal de Marcelo, mas Telo defendeu. As sucessivas tentativas do Arões esbarravam na coesa defensiva do Golães, ao mesmo tempo que também havia falta de pontaria na hora do remate. Já o Golães tentava pressionar a partir do meio campo mas não criava grande perigo.
.
E eis que aos 66 minutos, surge mesmo o golo do Arões, da forma talvez mais inesperada. Jogada de insistência, cruzamento tenso de Fred da direita e um defesa do Golães, na tentativa de aliviar, cabeceou em direcção à baliza e a bola acabou por entrar com efeito, fazendo quase que um chapéu a Telo, que não conseguiu evitar o 3-2. Frustração grande dos forasteiros, para grande festa dos visitados.
.
O Golães ainda tentou chegar ao golo e nos instantes finais, Cardoso bateu um livre para a área mas ninguém tocou na bola, que acabou por sair pela linha de fundo.
.
Final do jogo com vitória sofrida do Arões, que acabou por ser premiado pelo maior aval atacante e por um auto-golo não muito habitual já perto do fim. Já o Golães vendeu cara a derrota, mostrando ser uma equipa unida, que criou muitas dificuldades à equipa de Gijo.
.
Destaque ainda neste jogo para o regresso de Nani no Arões, jogador que teve uma lesão grave e que se estreou a jogar nesta época, tendo entrado a meio da segunda parte.
.

sábado, 23 de março de 2013

1ª Div. AF Braga: Agrupamento Sta. Cristina, 0 - Pevidém, 1

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro
.
Candidato à subida teve vida difícil
.
Após dois jogos em que conseguiu um empate e uma vitória, o Agrupamento de Santa Cristina recebeu o candidato à subida e actual segundo classificado, o Pevidém, e perdeu por uma bola a zero.
.
Apesar das limitações no plantel que mais uma vez condicionaram em parte a estratégia do treinador Marcelo Fernandes para esta partida, quem esteve em campo deu tudo o que tinha e ficou provado que apesar da diferença de pontos na tabela classificativa entre as duas equipas, o que se passou dentro de campo foi totalmente o contrário.
.
O único golo da partida surgiu já no decorrer da segunda parte, golo que acabou por dar a vitória ao Pevidém. Com esta derrota, o Agrupamento desceu ao penúltimo lugar, por troca com o Ases Santa Eufémia, que venceu o Silvares por 2-1.
.

Juniores - 1ª Div. AF Braga: Ponte, 4 - Arões SC, 3

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro |  Foto: Rui Silva
.
Houve um(a) Ponte a separá-los da vitória
.

Os Juniores do Arões saíram derrotados do reduto do Ponte por 4-3, num jogo bem disputado mas onde a equipa de Rui Almeida acabou por não ver o seu empenho traduzido em pontos.
.
A equipa vimaranense inaugurou o marcador na primeira parte através de uma grande penalidade. Mas o Arões conseguiu responder e minutos mais tarde acabou por chegar ao empate, num contra-ataque onde Fumega foi persistente, ganhou o lance e após passar pelo guarda-redes atirou a contar.
.
Mas ainda antes do intervalo e após desperdiçar um livre indirecto na área, o Ponte acabou por fazer o 2-1, num cabeceamento ao segundo poste após cruzamento.
.
Os jovens aronenses entraram com vontade de mudar o rumo do jogo na segunda parte, mas seriam os da casa a voltar a marcar, aumentando para 3-1, num contra-ataque em que Leonel nada pode fazer perante o avançado do Ponte.
.
Na resposta, Marco colocou o Arões novamente na discussão do resultado ao fazer o 3-2. Mas logo de seguida, o Ponte fez o 4-2, num cruzamento-remate que traiu Leonel.
.
Já perto do fim, Miki reduziu para 4-3 mas pouco depois terminaria o jogo, com a vitória do Ponte, que acabou por ser mais eficaz nos momentos decisivos. Já o Arões, apesar da derrota, voltou a deixar boa imagem perante uma das boas equipas do campeonato. O que é certo é que os pontos é que contam e são esses que o Arões tem de procurar já na próxima jornada, em casa diante do Airão, último classificado.
.

segunda-feira, 18 de março de 2013

Juniores - 1ª Div. AF Braga: Arões SC, 2 - Ruivanense AC, 6

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Rui Silva
.
Líder foi mais forte
.
Após o importante empate no reduto do Porto D'Ave, os Juniores do Arões receberam o líder Ruivanense e perderam por seis bolas a duas.
.
Foi um jogo em que os jovens aronenses lutaram bastante mas acabaram por não conseguir contrariar a equipa famalicense que com esta vitória se assume ainda mais como líder destacado da Série C da 1ª Divisão Distrital.
.
Com este resultado, o Arões mantém o 14º lugar, com dez pontos conquistados e na próxima jornada desloca-se ao reduto do Ponte.
.

domingo, 17 de março de 2013

Div. Honra AF Braga: Arões SC, 0 - Forjães, 1

Opinião: 


.
Texto e fotos: Ricardo Castro
.
Forjães voltou a ser peste negra 
.
Após a excelente vitória no reduto do Torcatense e com algumas ausências por castigos e lesões, o Arões ecebeu o Forjães e perdeu por uma bola a zero. Um golo de livre já a fechar a primeira parte, com alguma sorte à mistura, acabou por decidir o encontro, num jogo em que o Arões teve mais de quinze oportunidades de golo e em que podia estar o dia todo a tentar o golo que a bola teimaria em não entrar na baliza de Stray. De facto, esta equipa de Esposende é a verdadeira peste negra dos aronenses, pois foi a terceira vitória consecutiva em três anos no Parque Desportivo de Arões. 
.
Numa primeira parte equilibrada, onde o Arões, com ligeira superioridade, tentou chegar ao golo de todas as formas e feitios, o Forjães conseguiu defender-se bem e tentava chegar à baliza contrária maioritariamente em lances de bola parada.
.
Aos 12’, Mika rematou cruzado mas Carneiro estava atento e defendeu bem. Cinco minutos depois, resposta do Arões com livre frontal de Ricardo Costa, mas a bola bateu na barreira e acabou por sair pela linha de fundo. 
.
Aos 23’, livre de Postiga da esquerda e Hélder quase que marcava, num remate instintivo ao segundo poste mas que saiu ao lado. 
.
O Arões respondeu dois minutos depois, na melhor oportunidade até então. Jogada de Ângelo pela direita, cruzamento rasteiro e Zezinho apareceu solto na área ao segundo poste mas o remate saiu ao lado. Pouco depois, Ismael rematou cruzado da direita mas ao lado.
.
Aos 36 minutos, grande jogada de Gijo, a tirar três adversários do caminho de forma sublime e a entregar a Ismael que surgiu perante Stray à entrada da área mas dominou mal a bola e a jogada acabou por se perder.
E a um minuto do intervalo, livre descaído para a esquerda para o Forjães, com Mika a rematar, bola a bater na barreira e a tomar trajetória contrária, enganando Carneiro, que nada podia fazer para evitar o golo. Balde de água fria para o Arões, que ia para o intervalo a perder.
.
Na segunda parte, o Arões entrou a carregar e logo a abrir, Vítor Beijinhos colocou a bola na área e Raimundo falhou o cabeceamento. 
.
Aos 51’, Ismael rematou na área, Stray defendeu e Ângelo fez golo na recarga, mas o árbitro auxiliar assinalou fora-de-jogo ao nº 25 do Arões.
.
Cinco minutos depois, livre frontal de Ricardo Costa, bola colocada ao ângulo com potência mas Stray fez grande defesa para canto. Aos 59 minutos, jogada de insistência na área e Ângelo rematou rasteiro mas Stray voltou a evitar o golo.
.
Aos 66’, Ângelo cruzou para a área e Raimundo voltou a falhar a cabeçada para a baliza.
.
Dois minutos depois, mais uma grande oportunidade para o Arões. Cruzamento de Ricardo Costa para a área, Raimundo desvia de forma acrobática mas Stray defendeu para canto. Na sequência, Ismael cruzou para a pequena área, mas nem Ivo nem Raimundo conseguiram o desvio final. Muita sorte para o Forjães nesta altura do jogo. 
.
A quinze minutos dos noventa, passe magistral de Bruno Cunha para a área, com Zezinho a rematar forte mas mais uma vez a bola passou a rasar o poste.
.
O Arões colocou a carne toda no assador e quase que era surpreendido aos 84 minutos, com Mika a cabecear sozinho ao segundo poste mas a bola saiu ao lado. 
.
Já em cima do minuto 90, Ricardo Costa voltou a tentar de livre mas Stray defendeu de novo.
.
Nos descontos o Arões tentou chegar ao golo mas mais com o coração do que com a cabeça e o jogo chegou ao fim com 0-1 no marcador. Derrota penosa diante de uma equipa que surgiu bem organizada mas que teve a estrelinha da sorte em vários momentos do jogo. O Arões já não sabe o que é vencer ao Forjães desde 2008.
.
Jogo realizado no Parque Desportivo de Arões, na Vila de Arões São Romão, Fafe.
.
Árbitro: Manuel Fernandes, auxiliado por João Paulo Silva e Vítor Barbosa.
.
ARÕES SC: Carneiro, Vítor Beijinhos (Tiago Costa, 79’), Fernando Beijinhos (cap.) Ricardo Costa, Zezinho, Bruno Cunha, Gijo, Ângelo (João Martins, 77’), Ismael, André (Ivo, 45’) e Raimundo. Treinador: Miguel Paredes.
.
FORJÃES SC: Stray, Chica (cap.), Gaby, Hélder, Orlando, Joãozinho (Rui, 79’), Né, Paulo Gomes, Postiga (Tiago Venda, 81’), Tó Mané (Luís Barbosa, 67’) e Mika. Treinador: Zé Miguel.
.
Disciplina – cartões amarelos a: Postiga, 35’, Mika, 38’, Gaby, 55’, Fernando Beijinhos, 60’, Orlando, 71’, Rui, 90’ e Stray, 90+3’.
.
Marcador: Mika, 44’.
.

Iniciados - 2ª Div. AF Braga: Ruivanense AC, 0 - Arões SC, 2

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Rui Silva
.
Pedrinho e Emanuel resolveram
.
Os Iniciados do Arões venceram na deslocação ao reduto do Ruivanense, por duas bolas a zero, em jogo a contar para a 19ª jornada da Série D da 2ª Divisão Distrital.
.
Na primeira parte o Arões conseguiu chegar ao golo, por Pedrinho e na segunda parte Emanuel sentenciou o resultado ao marcar o segundo golo da equipa.
.
Com esta vitória, o Arões soma 47 pontos e mantém firme o segundo lugar, com quinze vitórias, dois empates e uma derrota, esperando ainda pelo resultado do jogo do Amigos de Urgeses diante do Pevidém, que se joga este Domingo ao fim da tarde. Na próxima jornada há derby fafense, com o Arões a receber o vizinho Golães.

sábado, 16 de março de 2013

1ª Div. AF Braga: Ases Santa Eufémia, 1 - Agrupamento Sta. Cristina, 3

Opinião: 
Texto e foto: Ricardo Castro
.
André e bis de Formiga no caminho da vitória
.
Bis de Formiga foi providencial
O Agrupamento de Santa Cristina respondeu da melhor maneira à derrota no derby concelhio da passada semana e foi ao reduto do Ases de Santa Eufémia vencer por três bolas a uma. Uma vitória importante, a quinta no campeonato e a segunda fora de casa, que já fugia à cinco meses.
.
Na primeira parte a equipa de Marcelo Fernandes inaugurou o marcador mas viu a formação vimaranense igualar o jogo pouco depois. Mas ainda antes do intervalo, o Agrupamento voltou a colocar-se em vantagem e foi para o intervalo a vencer por 1-2. André e Formiga marcaram os golos da equipa aronense.
.
Na segunda parte, o Santa Eufémia dispôs de uma soberana ocasião para empatar, mas desperdiçou uma grande penalidade. E se os visitados não marcaram, seria o Agrupamento a fazê-lo pela terceira vez, com Formiga a bisar e a confirmar três pontos importantes para os homens de Santa Cristina.
.
Com esta vitória, a formação de Marcelo Fernandes soma agora 20 pontos e ascendeu ao 14º e antepenúltimo lugar da classificação, por troca com o próprio Santa Eufémia, que tem 18 pontos. Ainda assim, o 12º e último lugar da manutenção ainda está a cinco pontos de distância.
.
Na próxima jornada, o Agrupamento recebe o Pevidém Sport Clube.
.

Sugestão: Hórario dos transportes públicos

Opinião: 
Como um dos administradores deste sitio da blogosfera, tenho acesso às estatísticas do mesmo e não é minha surpresa quando ao visualizar a publicação que está no topo e na vice liderança das mais visitadas pelos internautas no "Arões Global", ´são as publicações intituladas, "Horário dos Transportes Públicos (Arriva) Fafe-Guimarães" e "Vamos à praia" - Fafe, Guimarães, Póvoa de Varzim - ARRIVA".
 
Isto faz-me querer que existe uma lacuna grande nas empresas de transportes em não divulgarem os horários das suas carreiras, apesar de existir no site da empresa que regularmente efectua transportes em Arões a ARRIVA os horários disponíveis de forma fácil e acessível.
 
Outro aspecto que sugiro e já ouvi alguém comentar aqui pela internet quando se fala de Arões, seguindo o exemplo de outros locais, seria a colocação dos horários dos transportes públicos junto das paragens de autocarros, seria um acto de cidadania que iria facilitar a vida daqueles que por vezes a correr chegam a uma paragem de autocarros e não estimam o tempo que ainda terão de esperar por um transporte.
 
Na minha opinião não seriam necessários grandes investimentos e certamente o retorno daria nas vistas de todos aqueles que frequentam as paragens de autocarros na zona de Arões.

quinta-feira, 14 de março de 2013

Perigo de derrocada de àrvores perto do Lar de Arões

Opinião: 


  
Junto à EN 206 as
 àrvores quase que "tombam" para baixo
Algumas das àrvores em causa






















-Árvores encontram-se num terreno que cria uma ribanceira para a EN 206


Em causa estão cerca de meia dúzia de eucaliptos, localizados no terreno do antigo Posto Médico e Junta de Freguesia de Arões São Romão bem perto do Largo da Paróquia de Arões e do Lar, que ao longo dos anos têm crescido junto à berma da estrada que atravessa Arões e faz a ligação entre Fafe e Guimarães.
.
Com o passar do tempo o porte que estas árvores apresentam tem vindo a ganhar tamanho e ao longo dos anos tem ameaçado uma derrocada para a via pública onde diariamente circulam os automobilistas e peões.
.
Ainda nenhum mal maior aconteceu e sabe-se bem que os acidentes não podem ser evitados mas neste caso deverão ser prevenidos, fica o alerta para quando circular na zona.

Agenda desportiva de fim-de-semana

Opinião: 
Cartaz: Arões Sport Clube
.

.
1ª DIVISÃO DISTRITAL:
.
Ases Sta. Eufémia - Agrupamento Sta. Cristina | Sábado, 15h00, em Santa Eufémia de Prazins, Guimarães.
.

segunda-feira, 11 de março de 2013

Div. Honra AF Braga: U. Torcatense, 0 - Arões SC, 1

Opinião: 

Texto e fotos: Rui Silva
.
A união foi aronense
.
- Golo de Ismael deu os três pontos
.
À partida para a 22ª jornada Torcatense (2º) e Arões (6º) estavam separados por 8 pontos, mas a tarde de inverno, não afastou os adeptos de ambas as equipas que compareceram em bom número ao Parque Desportivo do Arnado.
.
O Arões entrou bem no jogo com boa circulação de bola e teve aos 8 minutos uma clara oportunidade de golo. Ismael desmarca Ângelo na esquerda, este cruza rasteiro ao segundo poste onde André só perante Ricardo atira à figura, ganhando um canto. Soberba ocasião de golo desperdiçada pelos Aronenses. Na resposta o Torcatense por intermédio de Luís, numa bola metida para a área, desvia de 1ª e Carneiro vê a bola embater na barra.
.
Primeiro quarto de hora com boas indicações, mas em que o Arões soube sempre ser mais lúcido que o adversário, e poderia mesmo ter aproveitado melhor a posse de bola no último terço do campo.
.
Igualdade ao intervalo, mas esperava-se mais para o 2º tempo.
.
E assim foi o Arões regressou ao jogo assumindo o controlo da partida, e aos 55 minutos num lance de ataque, Ismael recebe a bola de Zézinho à entrada da área, e num momento de confiança, desferre um remate fortíssimo, com a bola a entrara na gaveta, culminando o lance, num “golão” e colocando o Arões em vantagem.
.
Golo de Ismael foi decisivo na vitória
A equipa de Miguel Paredes não recuou no terreno e continuou na mesma toada, como equipa compacta a ocupar o campo todo, dificultando e muito a organização de jogo dos homens de Francisco Branco. O segundo tempo com mais contacto, teve muitos cartões, contrariamente à primeira em que nenhum cartão foi mostrado.
.
O Arões foi mais lesto durante toda a partida, teve mais posse de bola e mais oportunidades, das quais um flagrante em que o homem do jogo, Ismael teve nos pés uma oportunidade para o 0-2, quando numa boa execução tentou o chapéu a Ricardo.
.
No cômputo geral, a vitória assenta bem aos Aronenses que foram em todos os sentidos uma equipa.
.
Local: Desportivo do Arnado – S. Torcato - Guimarães
.
ÁRBITRO. Fernando Ferreira; Auxiliares | Leandro Jesus e Filipe Fernandes.
.
GDU TORCATENSE: Ricardo, Duarte Nuno, Xavi, Gustinho (cap.), Kevin (Oliveira, 57’), Chiquinho (Vitinha, 57’), Luís, Geani, Costinha, Russo e Neves. Treinador: Francisco Branco.
.
ARÕES SC: Carneiro, Vítor Beijinhos, Ricardo Costa, Fernando Beijinhos, Zézinho, Fernandes, Gijo, Bruno Cunha, André (Tiago Costa, 57’), Ângelo (Raimundo, 87’) e Ismael (Ivo, 93’). Treinador: Miguel Paredes. 
.
Disciplina - cartão amarelo: Neves, 55’; Luís, 63’; André, 70; Gijo, 72’; Kevin, 72’; Vítor Beijinhos, 74’; Pedro Rui, 88’. Cartão vermelho: Vitinha, 92; Fernandes, 92’.
.
Marcador: Ismael, 55’.
.