sábado, 9 de março de 2013

Liga Futsal Fafetur: Arões SC, 3 - Leões do Ferro/Fafedry, 2

Opinião: 


Texto e fotos: Ricardo Castro
.
Aronenses foram verdadeiros leões
O Arões venceu os Leões do Ferro/Fafedry por três bolas a duas, em jogo da 2ª Jornada do Grupo C da Liga de Futsal Fafetur. Um jogo bem disputado e equilibrado que teve indecisão até aos últimos segundos de jogo. Mas a equipa de José Salvador acabou por ser mais eficaz e feliz, somando assim os três pontos.
.
O Arões esteve perto de marcar aos sete minutos, nem remate violento de Rui Castro ao poste. A equipa dos Leões do Ferro respondeu com dois bons ataques, aos 10 e 13 minutos, mas Machinas saiu-se bem em ambos.
.
Aos 21’, o Arões atingiu o limite de faltas mas os Leões não aproveitaram o livre de 10 metros, com Machinas a defender. Volvidos dois minutos, a equipa de Salvador inaugurou o marcador, por Romão, que aproveitou uma má saída de bola do adversário.
.
Na resposta, os Leões ainda enviaram uma bola ao poste mas ao intervalo o resultado era 1-0.
.
Na segunda parte, o Arões até entrou melhor, com Rui Soares em destaque. Primeiro, aos 27 minutos, a obrigar o guardião contrário a boa defesa e três minutos depois a desperdiçar uma grande penalidade que podia ter dado o 2-0.
.
E se o Arões não marcou, foram os Leões que empataram aos 35 minutos, num remate forte e colocado à entrada da área.
.
O Arões foi em busca do golo da vantagem e aos 38, Rui Castro rematou de primeira em rotação e atirou ao poste. E se mais uma vez os aronenses não marcaram, seriam os Leões do Ferro a fazê-lo no minuto seguinte, num contra-ataque exímio que lhes valeu a reviravolta.
.
Aos 44’, Rui Castro desferiu uma bomba à trave após um canto de Rui Soares. Esteve perto o empate que surgiria aos 46 minutos. Ambas as equipas tinham atingido o limite de faltas e o Arões acabou por beneficiar de um livre de 10 metros, que Marcelo Freitas não desperdiçou, empatando assim o jogo.
.
No minuto seguinte e numa altura quente do jogo, novo livre de 10 metros para o Arões que deu origem á expulsão de um jogador dos Leões, por protestos. Mas desta feita Marcelo Freitas não conseguiu o golo, permitindo defesa do guarda-redes.
.
Mas aos 49’, Rui Soares virou o jogo a favor do Arões, concluindo da melhor maneira um passe de Marcelo. O jogo parecia ganho e estava, graças a Machinas, que logo a seguir defendeu um livre de 10 metros que beneficiara o Leões do Ferro.
.
Vitória dura e difícil mas saborosa para o Arões, que assim pula para a liderança do Grupo C, com quatro pontos em dois jogos.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário