segunda-feira, 22 de abril de 2013

Div. Honra AF Braga: CD Celoricense, 0 - Arões SC, 2

Opinião: 

Texto e fotos: Rui Silva
.
O tal Arões!
.
- Golos de Raimundo e André em exibição segura
.
Apenas 4 pontos separavam Celoricense e Arões à partida da 27ª jornada e sabendo-se que até à data, apenas o líder Brito havia vencido em Celorico, não se aguardava tarefa fácil.
.
Arões entrou pressionante na partida, perante um Celoricense apreensivo. O Arões teve à passagem do quarto de hora de jogo, duas boas iniciativas que terminariam em dois centros pelos flancos, em que André foi o protagonista, primeiro para Raimundo, que chegou um pouco atrasado, e depois para Zezinho, pressionado por um defesa ganhando um canto para o Arões.
.
Mas apesar da supremacia aronense, nem tudo sai da melhor forma, no último terço do campo, ou a receção era má ou então o último passe. Até que ao minuto 24’, Bruno Cunha ganha a disputa de bola à entrada da área e numa confusão de pés a bola ressalta para Raimundo que de primeira fuzilou a baliza à guarda de César, golo a colocar os Fafenses em vantagem.
.
O Arões prosseguiu com o seu jogo ofensivo e teve mais uns bons apontamentos, Zezinho chega a um cruzamento ao segundo poste e num outro lance um remate fortiíssimo em plena área, ficando a impressão de ter sido intercetado pelo braço de um defesa.
.
Vantagem justa ao intervalo dos homens de Miguel Paredes que viu o jogo da bancada,  ainda de “castigo”.
André sentenciou a vitória aronense
.
No reinício da partida seria o Celoricense a tomar conta do jogo. A equipa de Vítor Oliveira regressou dos balneários com outra postura, mais desinibida que nos primeiros 45 minutos. Mas sem criar perigo para a baliza de Carneiro e até que surgisse o super-homem aronense, Zezinho, ao minuto 59’, com uma arrancada pelo corredor esquerdo, chegando à linha de fundo e cruzando ao segundo poste onde André de “carrinho “ emenda para o 0-2.
.
Seguiu-se então nova predominância do jogo aronense, com os atletas cientes daquilo que queriam. E para infortúnio dos homens da casa, viram a vida mais facilitada quando aos 71 minutos, num lance fortuito, Zezinho jogador correto que é, corta a bola e no lance lesiona André Celorico, entrado no jogo há 7 minutos, acabaria por sair e sem que houvesse lugar a mais substituições.
.
Até ao final da partida pouco mais a acrescentar, com destaque para dois lances, um para cada lado, no período de desconto, Henrique e Bruno Cunha poderiam ter feito o gosto ao pé.
.
Vitoria merecida para os Aronenses que estão numa fase positiva, mas ainda têm “3 finais” (ou 4 para jogarem. A 3 jornadas do fim do campeonato há ainda muito que decidir.
.
:: Ficha de jogo ::
Local: Estádio Municipal de Celorico de Basto - Celorico de Basto
.
ÁRBITRO. Paulo Gonçalves; Auxiliares | Filipe Faria e Renato Mendes.
.
CD CELORICENSE: César, Pimentel (André Celorico, 64’), Russo (Bino, 70’), Zé Henrique, Pataca, João Miguel, Mateus (Christophe, 64’), Henrique, Diogo Santos, Kurany, Diogo Ribeiro. Treinador: Vítor Pereira.
.
ARÕES SC: Carneiro, Vítor Beijinhos, Ricardo Costa, Fernando Beijinhos, Zézinho, Óscar, Fernandez, Bruno Cunha, Ângelo (Ismael, 62’), André (Brinca, 74’) e Raimundo (Gijo, 73’). Treinador: Miguel Paredes.

Disciplina - cartão amarelo: Fernandez, 12’; Raimundo, 45’; Diogo Ribeiro, 55’; Bruno Cunha, 64’; Zézinho, 71’; Zé Henrique, 77’; Ismael, 79’; Óscar, 84’.
.
Marcador: Raimundo, 24’; André, 59’’.

Sem comentários:

Enviar um comentário