domingo, 5 de maio de 2013

Div. Honra AF Braga: Vieira, 2 - Arões SC, 1

Opinião: 

Texto e fotos: Rui Silva

Arões de 2ª em bom plano!

- Gestão de vários atletas, atitude da equipa e jogo equilibrado até à expulsão de Fernando Beijinhos




Na penúltima jornada do campeonato e após jogo na passada quarta-feira para a Taça da A.F. Braga, Miguel Paredes fez a gestão do plantel, utilizando apenas 4 jogadores do onze apresentado em Brito a meio da semana.

As alterações condicionaram o jogo dos Aronenses, não pela qualidade dos atletas em campo, mas pela falta de agressividade, que permitiu ao Vieira criar a primeira oportunidade de golo aos 5 minutos, em que Luca surge bem posicionado, falhando no remate. Mas em nova investida ao minuto 14, o Vieira adiantar-se-ia no marcador através de um golo de Costa, que recebe a bola da direita e a entrada da área tem um remate certeiro, não dando hipótese a Carneiro.

A mesma sorte não teve Bruno Cunha que aos 18 minutos recebe a bola de Ivo e remata por cima da baliza de António. O Arões já recomposto do golo sofrido, procurava organizar-se e à meia hora de jogo, Ruca que se estreava no onze do Arões, domina a bola a entrada da área e remata de pronto, mas sem perigo para António.

O Arões muito melhor na partida, acabaria por permitir que num lance de contra-ataque rápido, construído pelos homens de Roger Bastos, Nelsinho aparece-se isolado na esquerda, a falhar o 2 a 0.

No Regresso dos balneários, seria o Vieira a ter de novo a primeira oportunidade, com Gala a a cabecear ao lado.

Cabeceamento certeiro teve Ismael aos 50 minutos, que após um lançamento lateral de Zézinho, Brinca penteia ao primeiro poste, a bola ainda bate no relvado e Ismael oportuno desvia de cabeça, a bola ainda bate no poste mas a entrar, para golo. Igualdade no marcador com o Arões a justificar o empate pela boa atitude após um mau arranque na partida.

Brinca aos 57 minutos, aparece isolado sobre a esquerda e de remate pronto fora da área obriga António a defender para canto. Miguel Paredes, refrescaria a equipa no minuto seguinte, com a entrada de Ângelo e Raimundo, para os lugares de Ruca e Ivo.

Mas o jogo estava vivo e Gala novamente perante Carneiro não fez melhor que atirar ao lado.

Contrariedade para o Arões, a 20 minutos dos 90, quando Fernando Beijinhos vê o 2º amarelo, quanto a mim de forma injusta, mas António Ribeiro entendeu que a central Aronense fez obstrução à entrada da área. Ainda com Keke a preparar-se para entrar em campo, o Vieira passa de novo para a frente do marcador ao minuto 71, num lance em que o setor central do Arões compunha-se, Luca aparece na área a emendar para o fundo das redes, colocando o Vieira em vantagem.

À meia hora do 2º tempo Brinca tentava mostrar serviço, mas não ganharia mais do que um canto. E aos 78 minutos, Zézinho num cabeceamento colocado, vê a bola rasar o poste da baliza de António, perdendo o golo da igualdade.

O fim da partida chegava e o sabor amargo da derrota Aronense, contrastava com a felicidade dos 3 pontos conquistados pelos homens da casa.

Apesar de algumas mexidas e um arranque aos “soluços” por parte do Arões, no cômputo geral considera-se que os pupilos de Miguel Paredes fizeram um bom jogo, numa tarde quente, perante uma boa equipa que ainda “sonha” com a subida.
. 
:: Ficha de jogo ::
Local: Campo Municipal de Vieira do Minho - Vieira do Minho
ÁRBITRO. António Ribeiro; Auxiliares | Carlos Torres e João Macedo.
.
VIEIRA SC: António, Neno, Élio, Paulinho, Duarte, Luca (Pedro José, 89’), Bruno, Gala, Costa, Café (Zé Miguel, 76’) e Nelsinho (Costeado, 84’).
Treinador: Roger Bastos.
.
ARÕES SC: Carneiro, Tiago Costa, Ricardo Costa, Fernando Beijinhos, Zézinho, João Martins, Bruno Cunha, Ruca (Ângelo, 57’), Brinca, Ismael (Keke, 71’) e Ivo (Raimundo, 57’).
Treinador: Miguel Paredes.
.
Disciplina - Cartão amarelo: Zézinho, 16’; Café, 28’; Fernando Beijinhos, 44’; Ângelo, 65’; Ismael, 66’; Fernando Beijinhos, 69’; Bruno, 81’. Cartão vermelho: Fernando Beijinhos, 69’
.
Marcador: Costa, 14’; Ismael, 50’ e Luca, 71’.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário