sábado, 22 de março de 2014

Pró-Nacional: Arões SC, 6 - Maria da Fonte, 2

Opinião: 
Texto: Leonel Faria | Fotos: Rui Silva
.
Oito golos em 90 minutos fantásticos
.
O Arões recebeu e venceu o Maria da Fonte por 6-2, voltando às vitórias após dois jogos sem vencer. A equipa de Miguel Paredes repetiu a goleada da primeira volta, então tinha vencido por seis a três e, desta feita, o resultado poderia ter sido ainda mais dilatado, não fossem as várias oportunidades desperdiçadas além dos seis golos.

Aos dois minutos de jogo Zézinho faz um bom cruzamento e Ismael de cabeça atira para fora. Momentos depois, canto para a equipa da casa e Sérgio, também cabeceia para fora. Ainda no minuto três, o Maria da Fonte sai em contra ataque, e o camisola 16, Miguel, é obrigado a sair da baliza para travar o lance.

O Arões SC entrou a dominar o jogo, fazendo boas jogadas e tendo mais bola que os visitantes e após um cruzamento de Barbosa, Pablo de baliza aberta atira por cima da trave, mas redimindo-se logo em seguida, ao minuto 10 recebe o grande passe de Bruno Cunha e com tranquilidade desvia a bola do adversário e encosta para o fundo das redes de Miguel.

Equipa da casa em vantagem por uma bola a zero e continuando a criar excelentes oportunidades de golo, desta vez, Bruno Cunha, recebe a bola e em velocidade finta Miguel e acaba por rematar às malhas laterais da baliza do Maria da Fonte.  Minuto 30’ Barbosa faz um bom drible na linha e tenta o remate de tribela que acabou por sair demasiado alto.  Entretanto e sem complicações, Kéke, num passe longo, faz com que a bola chegue a Ismael e este fez o 2-0 para o Arões ao minuto 40 .

Já perto do intervalo Bruno Oliveira, rematou a cerca de 40m da baliza e fez um golo fenomenal.

No início da segunda metade, minuto 48’, o brasileiro Pablo assiste Bruno Cunha que não desperdiçou a oportunidade de aumentar o placard para o terceiro golo do Arões.

O Maria da Fonte estava um pouco “fora do jogo”, não conseguia criar oportunidades de golo, e Armando Freitas na tentativa de alterar o resultado, utilizou as três substituições ao minuto 53’, lançando Mota, Simão. Mas foi o Arões de novo ao Minuto 54’ a festejar mais um golo.  Pablo passa a bola por cima da defesa e Gustinho aparece para fazer um chapéu a Miguel, nº 1 do Maria da Fonte.

Assistia-se a um jogo bonito de futebol. Mais uma oportunidade de golo para o Arões e Bruno Cunha, podia ter feito o 5-1, mas permitiu que Miguel defende-se a bola, ainda sem ninguém se esquecer desta oportunidade desperdiçada, aparece Gustinho pela linha, dribla e quase sem ângulo faz o 5-1, estavam decorridos 62 minutos.

Os visitantes tinham as suas oportunidades nas bolas paradas, as quais não conseguiram aproveitar e enquanto a equipa da casa segurava o resultado fazendo posse de bola, o Maria da Fonte jogava um futebol mais direto.

Já no minuto 79’, canto para o Arões. A bola é desviada pela defensiva dos brancos e cai no limite da grande área, Rosita remata rasteiro e André, com todo o mérito, levanta a bola e fá-la passar por cima Miguel, para delírio na bancada, sexto golo da equipa da casa.

No último minuto de jogo, o capitão Fernando Beijinhos faz uma grande penalidade, e Simão aproveitou a oportunidade para fazer o segundo golo dos visitantes. Excelente demonstração do Arões SC, cujo resultado final não engana.

Sem comentários:

Enviar um comentário