terça-feira, 29 de julho de 2014

Arões SC: a perspetiva dos oito reforços para 2014/2015

Opinião: 

Texto e fotos: Ricardo Castro
.
Vontade de (re)colocar o clube nos lugares cimeiros
.
Além de ter garantido 17 dos 20 jogadores que terminaram a última época, o Arões assegurou oito caras novas, aumentando o número de opções e a competitividade do plantel, também no sentido de combater a escassez de atletas em vários jogos de 2013/2014. Os reforços chegam a Arões com vontade e esperam, regra geral, ajudar o clube a fazer uma época ao nível da última.
.
O reforço mais sonante, Filipe, espera “ser mais um para ajudar o clube”. E os 39 anos não são um problema para o avançado. “Se não me sentisse bem, não estaria aqui e já tinha abandonado”, referiu. Para o ex-jogador do Fafe, o “futebol profissional acabou e com a idade, decidi jogar num clube amador mas honesto e honrado e por isso estou aqui”. Sobre a nova época, Filipe quer “trabalhar para ganhar um lugar na equipa, com o objetivo de ganhar jogo a jogo para o Arões andar nos lugares de cima”.
.
Do ataque para a baliza, João Sampaio representa, pela primeira vez, um clube da terra. Para a época que se aproxima, o ex-Serzedelo é otimista. “O grupo manteve-se praticamente todo da época anterior e só tenho de esperar um bom campeonato”, afirmou. Questionado sobre a concorrência com Paulo Jorge e Fábio para a baliza, João espera “uma luta saudável, porque quem sai a ganhar é o Arões”.
.
No setor defensivo, Miguel Paredes viu sair Jorge Miguel, mas conta agora com três jovens e ambiciosos jogadores. Rui Rampa sublinha a chegada ao Arões com uma oportunidade de “evoluir e aprender”, mas “jogar e entrar no onze inicial é um objetivo”. Sem esperar facilidades, Rampa promete “muito trabalho, dedicação e se a oportunidade surgir, vou tentar agarrá-la”, concluiu. Questionado sobre se a equipa tem capacidade para estar nos lugares cimeiros, o central afirma: “no que depender de mim, vai continuar de certeza”.
.
Filipe, um dos reforços sonantes do Arões SC
Opinião semelhante tem Nandinho, salientando que “a equipa pode continuar lá em cima” no campeonato. O defesa destaca a manutenção de “maior parte do plantel, que agora tem algumas caras novas e de qualidade”. O ex-Maria da Fonte sabe que a “responsabilidade é enorme, porque o Arões conquistou um terceiro lugar no ano passado”. Contudo, “a ambição é melhorar e conforme o grupo e o que a direção e o treinador pedirem, vamos fazer uma época dentro do possível”, afirmou. O jogador de 23 anos não conhecia o novo treinador, mas espera uma “experiência que corra da melhor maneira”.
.
Já o lateral-direito brasileiro Marcos, uma das três novidades da apresentação, quer conquistar um lugar na equipa, mas afirma que o mais importante é ganhar “a confiança do grupo”. O jogador, que em Portugal já representou o Tourizense por duas épocas (uma como júnior/sénior e outra como sénior), o Vitória B e o Famalicão por meio ano cada e o Travassós por uma época, afirma que “a nível coletivo o objetivo é estar no topo da tabela”. “Estava com outros objetivos na carreira, mas quando o Arões falou mostrei-me disposto para o acordo”, revelou o jovem de 21 anos.
.
O Arões manteve todo o núcleo do meio-campo e apenas recrutou um jogador, Agostinho. “Vim de uma época complicada, com uma lesão e agora espero ajudar este clube conforme posso, dando tudo o que tenho”, afirmou o médio de 25 anos, que jogou no Campeonato Nacional de Seniores na última temporada. Com o infortúnio no menisco externo resolvido, Agostinho acredita que a equipa pode “pensar em algo mais” na classificação, “mas só com a época é que podemos ver o que acontece”, rematou outra das novidades na apresentação do clube. Antes de chegar a Arões, Agostinho esteve um ano no Felgueiras, outro no São Paio de Vizela, três épocas no Barrosas e duas no Lixa.
.
No ataque, o Arões reforçou-se, além de Filipe, com mais dois jogadores. Zézé e Hélder Oliveira. Aos 34 anos e depois de oito temporadas no Santa Eulália, Zézé tece elogios ao emblema aronense, que é “um clube que valoriza as pessoas, tem uma maneira de estar no futebol e foi o que me fez aceitar o projeto”, salientou. Além disso, Zézé diz conhecer “a realidade do Arões e os jogadores e isso foi o também o que motivou”. Acerca da nova época, Zézé garante trabalho “para ajudar a tentar que o Arões esteja sempre nos lugares de cima, que é o objetivo da equipa e o objetivo pessoal”. Por seu turno e depois de uma época sem clube, Hélder Oliveira espera “ajudar a equipa o máximo possível e a nível pessoal, tentar manter a forma para voltar a um bom nível”. Aos 24 anos, o dianteiro já passou pelo Moreirense e pelo Fair-Play, depois de ter iniciado a sua formação, precisamente em Arões.
.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Festival Nacional e Internacional de Folclore de Fafe é já este sábado

Opinião: 
Texto: JF Arões São Romão
.
Espetáculo com dedo aronense tem início pelas 21h00
.
Fafe recebe, este sábado, dia 26, a 30.ª edição do Festival Nacional e Internacional de Folclore, evento etnográfico organizado pelo Grupo Folclórico da Casa do Povo de Arões (GFCPA) e que desde a sua criação, em 1985, vem atraindo nesta altura do verão um número crescente de aficionados à Sala de Visitas do Minho.
.
José Avelino Nogueira, diretor do GFCPA, considera o certame «Uma das mais importantes manifestações do folclore da nossa região e mesmo do país», recordando com orgulho as muitas dezenas de coletividades nacionais e estrangeiras que passaram por Fafe, ao longo destas três décadas de Festival: «Um projeto desta grandeza só foi possível com o grande sacrifício das pessoas do nosso Grupo e com o precioso apoio da Junta de Arões e da Câmara Municipal de Fafe. Não temos luxos, mas sabemos que o nosso trabalho é muito digno e merece o reconhecimento de todos, dentro e fora de portas», explicou.
.
A edição de 2014 conta com a participação de um grupo vindo do Chile (o Ballet Folcklórico Municipal de Rancagua), com a participação do Grupo Folclórico Luz dos Candeeiros (de Porto Mós – Leiria), do Grupo Folclórico das Ceifeiras da Corujeira (Coimbra), do Rancho Folclórico de Perosinho (Vila Nova de Gaia), do Grupo Associativo de Divulgação Tradicional de Forjães (Esposende), do Rancho Folclórico de Oleiros (Ponte da Barca) e, naturalmente, dos anfitriões, o Grupo Folclórico da Casa do Povo de Arões.
.
Do Programa deste XXX Festival consta a concentração dos grupos participantes na Escola Carlos Teixeira (a partir das 17h30), um Jantar (18h30), a Receção dos Participantes – sessão solene com lugar nos Paços do Concelho (às 20h30), o início do desfile folclórico em direção ao local da atuação (a partir das 21h00) e o início das atuações (às 21h45), com a imposição das fitas nos porta-estandartes.
.

Feira de Artesanato já é um símbolo de Arões São Romão

Opinião: 
Texto e fotos: JF Arões São Romão
.
Quarta edição mostrou mais e melhor da Vila 
.
Dezenas de expositores e centenas de visitantes deram ao parque de estacionamento do logradouro paroquial de Arões S. Romão um brilho diferente no último fim de semana. Tratou-se da 4.ª Feira de Artesanato da Vila de Arões, certame organizado pela Junta de Freguesia local como forma de assinalar a elevação de Arões a Vila (oficializada em 20 de julho de 2009).
.
Coletividades e entidades locais (como o Grupo Folclórico da Casa do Povo de Arões, o Arões Sport Clube, a escola Music Box, Centro Social da Paróquia de Arões, o Centro de Convívio e Lazer de Arões, o Infantário do Centro para a Formação e Juventude de Arões, o Grupo de Teatro de Arões, a Comissão de Festas de Arões, o Grupo Desportivo dos Oleiros ou a Associação de Reformados e Pensionistas de Arões) associaram-se a vários particulares, na divulgação e promoção daquilo que melhor se faz na Freguesia.
.
Conforme noticiado anteriormente, foram diversas as áreas comerciais exploradas durante os dois dias: antiguidades, mobiliário, cestaria, ratoeiras, esculturas e miniaturas, bijutarias, bordados, lavores, peles e cordoaria, cosméticos, perfumaria, pirografia, comes e bebes, doçaria, farturas, floricultura, horticultura, produtos caseiros e trabalhos manuais compuseram uma fotografia que, com a Igreja Românica em plano de fundo, fez recordar tempos recuados.
.
«Nem mesmo o mau tempo fez demover a nossa equipa» disse Cláudia Castro, que deixou rasgados elogios aos funcionários da Junta e a todos os que tiveram um papel decisivo na organização e no programa da Feira, amigos, entidades locais, e patrocinadores. «Sem o apoio das nossas coletividades e dos patrocinadores, sem a preciosa ajuda de pessoas que ajudaram a montar o palco, as luzes, a água, o som, as barraquinhas, sem o contributo daqueles que em cima do palco asseguraram os vários espetáculos, nada disto seria possível», afirmou.
.
De resto, a animação não faltou em palco e fora dele: música popular e folclórica, comédia, teatro infantil, atuação de palhaços, desfiles, um torneio de sueco, uma marcha popular e um sorteio final garantiram a boa disposição e a vinda de muitos forasteiros. Momento alto foi protagonizado por um grupo de crianças, que logo nos primeiros minutos do domingo (dia 20) cantou os «Parabéns» à jovem vila.
.
Entretanto e já com os olhos postos na edição de 2015, o Secretário de Junta, João Ricardo Lopes, lembrou que «Continuaremos a contar com a força de vontade dos aronenses e dos nossos vizinhos, porque este projeto é para continuar e para crescer. Queremos que mais expositores possam aproveitar esta oportunidade e que Arões ganhe um evento que seja a marca de qualidade da terra».
.
Em 2014 participaram, além das coletividades já referidas, Ilídio Fernandes («Ratoeiras Fafe»), Antonino Mendes Novais («Miniaturas»), Agostinho Silva Oliveira («Antiguidades»), Isabel Silva («Florista Bela»), Dilermando Silva, Maria Alice Pereira Costa («Lavores da Alice»), Georgina Fernandes («Mary’s Atelier»), Nuno Rosado («Arte em Fogo»), Maria da Conceição Costa Rodrigues Silva («Mariartes»), Eduarda Gonçalves Pereira («Aiquebom»), Carina Eliana, Diana Patrícia Pereira («Arte e Decoração»), Deolinda Maria Moreira Caeiro («D. e C. Ideias»), Maria Vieira e as empresas «Sandy Móveis Mobiliário», «Clone», «Clidaf», «Quinta do Soutelo», «Arnaldo Freitas - Pão de Ló de Arões» e «Farturas Conceição».
.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Arões SC 2014/15 apresenta-se com plantel extenso e de qualidade

Opinião: 



Texto e fotos: Ricardo Castro
.
Equilíbrio e cautela para andar nos lugares cimeiros
.
- Mais três caras novas e quatro ex-juniores na equipa principal
.
O Arões Sport Clube apresentou esta quarta-feira o plantel para 2014/2015, numa clara aposta na continuidade e estabilidade, onde figura praticamente toda a equipa da última época. Depois das 17 renovações e de uma mão cheia de reforços, o clube que terminou no terceiro lugar na Divisão Pró-Nacional da AF Braga surgiu com mais três novidades: o defesa Marcos (ex-GD Travassós), o médio Agostinho (ex-FC Lixa) e o avançado Hélder Oliveira, que estava sem clube. Um plantel com mais opções e mais experiência para atacar a nova temporada.
.
Equipa técnica
Sob o comando da mesma equipa técnica, liderada por Miguel Paredes, o conjunto de 29 jogadores conta ainda com quatro ex-juniores, prova clara da política de aposta na formação por parte do clube: o defesa Presunto, os médios Antunes e Zé Paulo e o avançado Zé Dias. Da época passada, só não figuram o guarda-redes Miguel, que terminou a carreira, o defesa Jorge Miguel, agora no Porto D’Ave e o extremo Ismael, que rumou à Suíça por motivos profissionais.
.
O presidente Ricardo Martins afirma que o Arões tem “um bom plantel e um terceiro lugar conquistado na época passada”. Para esta época, o foco é “andar lá em cima, nos cinco primeiros lugares”, referiu, adiantando que é “precoce falar em apostar na subida”. Martins salienta ainda que “a renovação com o plantel foi simples, prática e rápida”, apontando para a importância de “ter os pés bem assentes” e de “não mexer muito numa equipa vencedora, onde foram colmatadas algumas lacunas”.
.
Já o treinador, Miguel Paredes, está consciente de que “será extremamente difícil fazer um campeonato como no ano passado”, porque na época passada “as equipas que desceram da 3.ª Divisão menosprezaram um bocadinho o campeonato e pensavam que com qualquer equipa podiam fazer um algo muito bom”, referiu. “Penso que este ano não vai acontecer”, concluiu Miguel Paredes, de forma cautelosa.
.
Os reforços. Em cima (da esq. p/dir.): Agostinho, Nandinho,
João Sampaio e Hélder Oliveira.
Em baixo: Filipe, Rui Rampa, Marcos e Zézé.
O técnico, que parte para o terceiro ano consecutivo em Arões, revela-se “satisfeito” com o conjunto de jogadores à sua disposição, assumindo que “o objetivo passava por tornar o plantel o mais forte possível”, depois da onda de lesões e castigos da época passada, onde “a sorte era ter poucos jogadores, mas quase todos competitivos”. Quanto aos reforços, o treinador acredita que o clube conseguiu “jogadores de qualidade”, que vão “permitir jogar em vários esquemas”. Em suma, Miguel Paredes refere que o clube tentou “criar um plantel o mais forte possível, mais equilibrado, maior e mais competitivo”, para 2014/2015.
.
Sobre o plantel, o presidente Ricardo Martins garante que “está encerrado”, mas não assegura a permanência de todos os jogadores. “Vamos começar a treinar e pode ser que toda a gente fique, como pode ser que dois ou três homens vão embora”, cita.
.
Miguel Paredes apontou ainda a importância de “continuar a crescer como nos últimos anos”, atentando à necessidade de “preparar a equipa para entrar bem desde início e fazer um campeonato ao nível do que o que o Arões tem feito”.
.
Ricardo Martins, presidente do Arões
O clube tem vindo a apostar na prata da casa. Este ano, são quatro os ex-juniores que sobem à equipa principal. Ricardo Martins salienta que o “futuro dos clubes é a formação e é preciso criar jogadores da terra para jogar cá.” Por seu turno, Miguel Paredes ressalva a oportunidade dada aos jovens “para ver o nível em que estão”
.
Depois da apresentação, o Arões realizou o primeiro treino da pré-época. O primeiro jogo de preparação está agendado para o dia dois de agosto, no reduto do Ninense. A equipa aronense terá outro teste quatro dias depois, antes de disputar o Torneio de São Torcato, nos dias 9 e 10 de agosto. A época oficial arranca a 23 ou 24 de agosto, uma semana depois do Torneio Domingos Castro/Arões SC, a realizar nos dias 16 e 17 do mesmo mês e que conta, na sua sexta edição, com a participação de Brito, União Torcatense e da equipa júnior do Fafe.
.
Plantel 2014/2015:
.
Guarda-redes: Paulo Jorge, Fábio e João Sampaio (ex-GD Serzedelo).
.
Defesas: Sérgio, Fernando Beijinhos, Óscar, Kéke, Zezinho, Pedro Rosita, Rui Rampa (ex- ACD Pica) e Nandinho (ex-Maria da Fonte), Marcos (ex-GD Travassós), Presunto (ex-Júnior Arões SC).
.
Médios: Néné, Barbosa, Pablo, André Sampaio, Gustinho, Bruno Cunha, Agostinho (ex-FC Lixa), Antunes (ex-Júnior Arões SC) e Zé Paulo (ex-Júnior Arões SC).
.
Avançados: Raimundo, Pedro Garcia, Alírio, Filipe (ex-AD Fafe), Zézé (ex-CCD Santa Eulália), Hélder Oliveira (sem clube) e Zé Dias (ex-Júnior Arões SC).
.
Equipa técnica: Miguel Paredes (treinador), Ricardo Cunha (treinador-adjunto e preparador físico) e Fernando Ferreira (treinador-adjunto e de guarda-redes).
Departamento clínico: Luís Mário.
Departamento futebol sénior: Vítor Castro e Paulo Martins
Presidente: Ricardo Martins.
.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Arões SC começa a trabalhar esta quarta-feira

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro 
.
Plantel para 2014/2015 apresentado pelas 19h30
.
Depois do terceiro lugar na primeira época da Divisão Pró-Nacional na história dos distritais da AF Braga, o Arões Sport Clube apresenta esta quarta-feira o plantel para a época 2014/2015.
.
Sob o comando do mesmo treinador, Miguel Paredes, a equipa técnica da última temporada também se mantém. De resto, o clube aronense parte para a primeira época sem a presidência de Pedro Castro, com um conjunto de 17 jogadores que renovaram, numa clara aposta na continuidade e estabilidade, aos quais se aliam, para já, cinco reforços, num misto de experiência e juventude.
.
Mas o plantel ainda não está completamente fechado e amanhã pode surgir, no mínimo, mais uma cara nova.
.
A apresentação está marcada para as 19h30, no Parque Desportivo Centro para a Formação e Juventude de Arões. Depois, pelas 20h15, a equipa vai fazer o primeiro treino de pré-época.
.
Plantel para 2014/2015:
.
Guarda-redes: Paulo Jorge, Fábio e João Sampaio (ex-GD Serzedelo).
.
Defesas: Sérgio, Fernando Beijinhos, Óscar, Kéke, Zezinho, Rui Rampa (ex- ACD Pica) e Nandinho (ex-Maria da Fonte)
.
Médios: Néné, Barbosa, Pablo, Pedro Rosita, André, Gustinho e Bruno Cunha.
.
Avançados: Garcia, Raimundo, Alírio, Filipe (ex-AD Fafe) e Zézé (ex-CCD Santa Eulália).
.
Saídas:
.
Miguel (fim de carreira), Jorge Miguel (Porto D’Ave) e Ismael (emigra para o estrangeiro).
.

sábado, 19 de julho de 2014

Restaurante Dan José vence torneio de futebol de sete do Arões SC

Opinião: 
Texto e fotos: Rui Silva
.
Vítor(ia) temperada na quarta edição da prova
.
Final da quarta edição do Torneio de futebol de sete do Arões Sport Clube, com direito a casa cheia e foram mesmo muitos os que se deslocaram até ao Parque Desportivo do Centro de Formação para a Juventude de Arões, no sentido de assistir aos jogos finais. Os numerosos espectadores assistiram, não só hoje, mas ao logo de todo o torneio, a bons jogos, belas defesas e belos golos.
.
A organização só pode estar orgulhosa pela forma como decorreu o torneio, agradece a colaboração de todos os participantes neste evento.
.
Pedro Rosita foi o melhor marcador do torneio (17 golos)
Quanto aos números e resultados do torneio o grande vencedor foi a equipa Restaurante Dan José que venceu na final, outra grande equipa, a Ritagil/Quinta das Vinhas por 3-1. O equilíbrio entre as duas formações registava-se ao intervalo com um empate a uma bola, no segundo tempo Vitinha (Vítor Pereira) desatou o nó, apontando dois golos que deram a vitória à sua equipa.
.
No jogo para o terceiro e quarto lugar, o jogo ficou marcado pela lesão na face do guarda-redes Cláudio Faria, da equipa Salgado & Vieira/Plurimaterial/FafeMat, que após um choque com o colega de equipa, ficou mal tratado. Rafa acabaria por ser levado pelo INEM para o hospital, ficando a sua equipa reduzida a seis elementos, pois apenas sete elementos compareceram para este encontro.
.
Quanto à equipa Castimoda / E. Leclerc, uma das equipas em evidência neste torneio, acabou por levar a melhor vencendo por 7-2 e ficando com o 3º lugar no torneio.
.
No que toca ao troféu Fair-play, a equipa Viga Travessa/Transnós foi premiada pela sua participação exemplar.
.
As taças para o melhor guarda-redes e melhor marcador foram também entregues, Zé Carlos (Restaurante Dan José)  foi eleito o melhor guarda-redes, com 14 golos sofridos e Pedro Rosita (Castimoda / E. Leclerc) o melhor marcador, com 17 golos apontados.
.

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Feira de Artesanato de Arões começa amanhã

Opinião: 
Texto: JF Arões São Romão
.
Quarta edição "deve ultrapassar os resultados do ano passado"
.
Programa da IV Feira de Artesanato
Decorre este fim de semana (19 e 20 de julho) a 4ª Feira de Artesanato de Arões S. Romão, certame que coroa as comemorações do 5.º aniversário da elevação desta freguesia a Vila e que, como sucedeu nas edições anteriores, decorrerá no logradouro paroquial (parque da Igreja).
.
«Mobiliário, tecidos e lavores, cestaria, arte de miniatura, pirografia, pintura, perfumaria e cosmética, colecionismo, para além de música popular, associativismo, desporto, teatro, comes e bebes são alguns dos pontos em destaque nos expositores inscritos» disse-nos Cláudia Castro, Presidente de Junta, para quem este evento representa «um esforço financeiro importante da Junta», visto custear não apenas a sua organização, como a sua divulgação, segurança e até à programação musical.
.
Em 2013, esta Feira de Artesanato bateu todos os recordes, com uma assistência acima de todas as expetativas. Para João Ricardo Lopes, um dos co-fundadores do projeto, «Esta quarta edição deve superar os resultados do ano passado, visto que o número de expositores aumentou, registando-se também uma diversificação de áreas comerciais». O Secretário de Junta lembra que «Aquilo que começou por ser uma feirinha agrícola rapidamente se transformou numa oportunidade para a promoção de lojas, mercados, cafés, restaurantes e pequenos negócios, tal como o atestam os patrocínios recebidos».
.
A Feira terá início no sábado (dia 19), pelas 15h00, com uma receção por parte do Grupo de Escuteiros de Arões, agrupamento que dinamizará de seguida um work-shop (15h45). O Centro de Convívio e Lazer de Arões promoverá, entretanto, um torneio de sueca. Os utentes deste espaço, em conjunto com as crianças do prolongamento da Escola Básica de Arões, darão corpo a uma representação (por volta das 16h30), no seguimento da recente participação nas Marchas Populares de Fafe. Caberá ao Arões Sport Clube um desfile a apresentação dos seus atletas (17h15).
.
Cláudia Castro recorda que os compradores terão, como no ano passado, um bónus: «Por cada 2 euros e meio de compras têm direito a uma rifa, com que se habilitam no final da Feira a um generoso sorteio. Os prémios são muitos e excelentes: as pessoas têm é que estar presentes, pois de outro modo perdem a oportunidade de levar para casa o que for sorteado!», disse-nos.
.
Já no período noturno, a animação promete: o palco será d’ «As Borboletas Pretas», uma animação com palhaços no recinto. Segue-se a comédia «Consultório» a cargo do Grupo de Teatro de Arões (21h30) e a atuação do grupo PROJETOVILA (às 22h30). À meia-noite haverá uma sessão de fogo, com o cantar dos «Parabéns» à Vila.
.
No domingo, a associação CLIDAF orientará uma aula de ginástica (09h00), destinado a todos os que queiram praticar um pouco de exercício (precisarão apenas do equipamento básico de desporto). A seguir ao almoço, os meninos do ATL do Centro para a Formação e Juventude de Arões levarão ao palco a peça «De Vimaranis Monumenta Historica a Vila de Arões» (a partir das 14h45). A música ocupará a parte final do evento, primeiro com a atuação dos alunos da escola MUSIC BOX (15h30), depois com a subida ao palco do consagrado Grupo Folclórico da Casa do Povo de Arões (16h30).
.
Haverá a entrega dos diplomas a todos os feirantes e expositores e o sorteio final (às 18h00).
.

IV Torneio Arões SC: resultados 1/2 final

Opinião: 
Terça-feira, 15 julho 2014:
.
Ritagil / Quinta das Vinhas x Castimoda / E. Leclerc . 5-4
Salgado&Vieira/Plurimaterial/FafeMat x Restaurante Dan José . 3-4
.
:: Final . IV Torneio FUT 7 | ARÕES SC ::
.
Sexta-feira, 18 julho 2014 (HOJE):
.
3º e 4º LUGAR . 
21h00 . Castimoda / E. Leclerc x Salgado&Vieira/Plurimaterial/FafeMat
.
FINAL
22h00 . Ritagil / Quinta das Vinhas x Restaurante Dan José
.

segunda-feira, 14 de julho de 2014

"Bodas de Sangue" lotou Auditório da Junta de Freguesia de Arões

Opinião: 
.
Foto: Teatro de Arões
.
Foram bodas de ouro em palco
.
Um regresso em cheio. Cheio na performance e cheio de público. O Grupo de Teatro de Arões regressou aos palcos nos passados dias 4 e 6 de julho, com a representação da peça "Bodas de Sangue".
.
No Auditório da Junta de Freguesia de Arões São Romão, o público encheu quase por completo o espaço na noite de sexta-feira, tendo mesmo esgotado a lotação no domingo à tarde.
.

sábado, 12 de julho de 2014

IV Torneio Arões SC: resultados 1/4 final

Opinião: 
Resultados 1/4 final: 

.
Ritagil / Quinta das Vinhas - Fonte do Santo | 1-1 (4-3 após g.p]
Salgado&Vieira/Plurimaterial/FafeMat - Amigos da Sociedade | 4-1
Castimoda / E. Leclerc x E.S.F. | 4-1
Restaurante Dan José x Vidany  | 6-1
.
Jogos das meias-finais:
.
Terça-feira, 15 de julho de 2014:
.
21H00 . Ritagil / Quinta das Vinhas x Castimoda / E. Leclerc
22H00 . Salgado&Vieira/Plurimaterial/FafeMat x Restaurante Dan José
.

quinta-feira, 10 de julho de 2014

IV Torneio Arões SC: calendário até à final e melhores marcadores

Opinião: 


Conheça todos os apurados para os 'quartos' do Torneio de Arões

Opinião: 
Resultados:
.
Segunda-feira, 7 de julho:
Salgado&Vieira/Plurimaterial/FafeMat x Viga Travessa/Transnós [6-0]
Fonte do Santo x Restaurante Pizzaria D. Luís [4-2]
Ritagil / Quinta das Vinhas x Sobel . [2-2 (3-2 a.p.)]
.
Terça-feira, 8 de julho:
Café Belos Ares x Amigos da Sociedade [2-3]
Castimoda / E. Leclerc x Nóspei/Café S. António [5-2]

Restaurante Dan José x Cowe Store [4-2]
.
Quarta-feira, 9 de julho:
Aki Estores x Vidany [1-2]
Reymar/ElectroTaipas x E.S.F. [2-5]
.

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Arões SC garante Nandinho e Zézé

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Rui Silva
.
Defesa e ataque com mais opções de qualidade
.
Zézé (à esquerda de amarelo) diante do novo clube e Nandinho (à direita)
Estão confirmadas mais duas caras novas para a versão 2014/2015 do Arões. O defesa Nandinho, que atuava no Maria da Fonte e Zézé, avançado ao serviço do Santa Eulália nos últimos anos, são os mais recentes reforços da equipa de Miguel Paredes.
.
Fernando Assis de Pinto Alves, mais conhecido por Nandinho no mundo do futebol, tem 23 anos e atua no centro da defesa, podendo igualmente fazer o corredor direito do setor mais recuado. Fez a formação no Vitória Sport Clube e transitou para o Desportivo das Aves no último ano de júnior.
.
Já como sénior, Nandinho ingressou no Polvoreira em 2010/2011 e esteve no Ronfe nas duas épocas seguintes, antes de vestir as cores do Maria da Fonte no último ano. No seu percurso, Nandinho conta ainda com seis internacionalizações por Portugal. Foram três nos sub-16 e outras tantas nos sub-17, com um golo neste último escalão.
.
Por seu turno, Frederico Carvalho, apelidado de Zézé nas quatro linhas, reforça o emblema aronense depois de oito épocas no recém-promovido ao Campeonato Nacional de Seniores, o Santa Eulália de Vizela. Neste período, Zézé subiu duas vezes de divisão, ganhou duas vezes a Divisão de Honra, outras tantas taças da AF Braga, uma Taça de Campeões do Minho e a Divisão Pró-Nacional, na última época. Foi ainda, em sete das oito épocas, o melhor marcador da equipa e em duas delas, o artilheiro mais eficaz da divisão distrital.
.
Aos 34 anos, o dianteiro natural de Felgueiras, que também já passou pelo Lixa, não integrou o plantel vizelense liderado por João Pedro Coelho e o Arões garantiu os seus serviços, validando sobremaneira as opções ofensivas para o novo plantel.
.
Com Nandinho e Zézé, o Arões fecha uma mão de contratações para a próxima temporada desportiva. João Sampaio, Rui Rampa e Filipe são os outros três reforços já garantidos.
.

Alírio Miguel renova com o Arões SC

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Rui Silva
.
Possante avançado continua de verde e amarelo
.
Está dissipada a dúvida no dossiê de permanências no Arões Sport Clube. Depois de chegar ao clube na época passada, o avançado Alírio Miguel vai continuar de verde e amarelo por mais um ano.
.
Aos 24 anos, o possante jogador de 1,85 metros parte para a segunda época nos aronenses, depois de um ano intermitente, onde apesar da pouca aposta como titular, revelou ser um suplente preponderante, com vários golos que seguraram importantes pontos na conquista do 3.º lugar na Divisão Pró-Nacional.
.
Mas foi precisamente como titular que Alírio terminou a época. No jogo em casa com o Dumiense, a 16 de fevereiro passado, o avançado saiu lesionado já perto do intervalo.
.
Alírio dividiu a sua formação pelo Varziela, Leixões e Vizela. Já como sénior, passou um ano pelo Barrosas, duas épocas pelo Silvares e uma no Pica, antes de chegar a Arões. Depois das renovações já garantidas, Alírio é o 17.º jogador que transata da época passada no conjunto de Miguel Paredes.
.

IV Torneio Futebol 7 Arões SC: jogos 1/8 de final

Opinião: 

IV Torneio Futebol 7 Arões SC: classificações da fase de grupos

Opinião: 

sábado, 5 de julho de 2014

IV Torneio Futebol 7 Arões SC: resultados de 30 de junho a 4 de julho

Opinião: 
4.ª Jornada:
.
Segunda-feira, 30 de junho | Série D
.
Amigos da Sociedade 2 x Sobel 1
Reymar/ElectroTaipas 2 x Fafedry 0
V&C Castro, Lda/Jemar Automóveis 1 x Fonte do Santo 4
.
5.ª Jornada:
.
Terça-feira, 1 de julho | Série A
.
Salgado & Vieira/Plurimaterial/FafeMat 3 x E.S.F. 2
Vidany 6 x Os da Quinta 2
Verde Pinho / Cozinhas PL 0 x Nóspei/Café S. António 3
.
Quarta-feira, 2 de julho | Série B
.
Borussia D´outro Mundo 1 x Restaurante Pizzaria D. Luís 1
Cowe Store 2 x Opções Livres 3
Café Belos Ares 2 x Ritagil / Quinta das Vinhas 4
.
Quinta-feira, 3 de julho | Série C
.
Castimoda / E. Leclerc 8 x Viga Travessa / Transnós 2
Unidos do Cano 2 x Restaurante Dan José 3
V&C Castro, Lda/Jemar Automóveis 3 x Salgado & Vieira/Plurimaterial/FafeMat 7
.
Sexta-feira, 4 de julho | Série D
.
Amigos da Sociedade 3 x Pastelaria Refugium 2
Aky Estores 4 x Fafedry 3
Sobel 0 x Reymar/ElectroTaipas 3
.

sexta-feira, 4 de julho de 2014

Teatro de Arões leva "Bodas de Sangue" a palco

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro
.
Auditório da Junta recebe peça esta noite e no domingo à tarde
.
O Grupo de Teatro de Arões está de volta aos palcos esta sexta-feira, com a peça “Bodas de Sangue”,
numa representação que tem início pelas 21h30, no Auditório da Junta de Freguesia de Arões São Romão.
.
“Bodas de Sangue” é uma estreia no palco aronense, numa história de dois jovens apaixonados impedidos de ficarem juntos pelas suas famílias. O reencontro de ambos acontece no dia do casamento da jovem com outro homem, num trágico destino que selará o triângulo amoroso.
.
O elenco da peça “Bodas de Sangue” conta com mais de 25 intervenientes:
.
Maria de La Salete Oliveira (Mãe do Noivo)
Isabel Lopes (Noiva)
António Soares (Leonardo)
Paulo Silva (Noivo)
Manuel Santos Costa (Pai da Noiva)
Rosa Costa (Sogra de Leonardo)
Maria Esmeralda Alves (Mulher de Leonardo)
Maria José Peixoto (Criada)
Laurinda Castro (Mendiga / Morte)
Mariana Castro (Lua / Moça)
Gabriela Fernandes (Moça)
Ana Margarida Nogueira (Menina)
Rúben Sousa (Moço)
Pedro Cunha (Moço)
Armindo Cruz (Lenhador)
Jorge Freitas (Lenhador)
David Fernandes (Lenhador)
Elvira Soares Dias (Vizinha)
Paula Fernandes (Vizinha)
Maria da Conceição Costa (Vizinha)
Alzira Peixoto (Vizinha)
Gracinda Costa Carneiro (Vizinha)
Emília Costa Carneiro (Vizinha)
Inês Fernandes Freitas (Filha da Vizinha)
.
Encenação: Laurinda Castro e Allison de Sá
Figurino: Patrícia Abreu e Fafe - Cidade das Artes
.
A peça tem repetição no próximo domingo, de igual modo no Auditório da Junta de Freguesia, pelas 16h00. Os bilhetes estão à venda na Junta de Freguesia de Arões e têm o custo de 3 euros.
.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Arões SC: Filipe e Rui Rampa confirmados

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: Ricardo Castro/João Carlos Lopes
.
Experiência e juventude fafense ao serviço de Miguel Paredes
.
Filipe (à esquerda) e Rui Rampa (à direita)
Depois do guarda-redes João Sampaio, o Arões Sport Clube garante mais dois reforços para a próxima temporada. Trata-se do avançado Filipe (ex-AD Fafe) e também do defesa central Rui Rampa, proveniente do Pica. Confirmadas mais duas aquisições, Miguel Paredes conta com mais experiência e juventude no plantel para 2014/2015.
.
Aos 39 anos, e depois de vestir de amarelo e preto nas últimas cinco épocas, o baixinho Filipe aumenta o leque de opções ofensivas da equipa, colmatando para já a saída do extremo Ismael, que emigrou para a Suíça.
.
Apesar da idade, Filipe tem revelado ser como o vinho do Porto, mostrando clara influência nos últimos anos em Fafe. Na época passada foi quase sempre titular com Agostinho Bento, apontando seis golos (cinco no campeonato e um na Taça de Portugal) em 33 jogos. Além do Fafe, Filipe já representou Maria da Fonte, Tirsense e Taipas.
.
Quem também reforça o Arões é Rui Rampa. Aos 21 anos, o jovem central reencontra Miguel Paredes, que já o treinara na formação do Fafe. Em declarações ao Arões Global, Rampa afirma que “ingressar no Arões é um grande passo”. “Vou representar o melhor clube fafense a jogar em campeonatos distritais e sem dúvida é um grande desafio, ao qual me irei entregar completamente e tudo farei para ajudar o clube a atingir patamares iguais ou maiores aos da época passada”, garante. O ex-Pica vê ainda o Arões como uma “boa oportunidade para evoluir” como jogador.
.
Sobre a mudança de ares, Rampa afirma que “nunca é fácil abandonar um clube que me acolhe como o Pica o fez, mas sou ambicioso e ao saber os objetivos do Arões e as pessoas com quem ia trabalhar, claro que facilitou muito a minha decisão”, refere. O central afirma que vai dar tudo para conseguir um lugar. “Nunca deixei nem vou deixar de me aplicar a partir do momento em que conseguir a titularidade”, diz. Contudo, Rampa sabe que será difícil “porque o Arões tem excelentes jogadores e com os quais sei que vou aprender muito”.
.
Depois da formação no Ases de São Jorge e na AD Fafe, onde chegou no segundo ano de juvenil, Rampa teve uma experiência no Vila Real, mas os estudos não compatibilizaram a sua permanência no clube. Chegou a treinar no GD Travassós, mas não foi inscrito e passou o último meio ano no Pica. Pelo meio, jogou futsal ao serviço dos Amigos de Fafe.
.
De notar que os três jogadores já garantidos pelo Arões tendo em vista a próxima época são todos naturais de Fafe. 
.

João Sampaio reforça baliza do Arões SC

Opinião: 
Texto: Ricardo Castro | Foto: DR
.
Ex-Serzedelo colmata fim da carreira de Miguel
João Sampaio
.
- Primeira experiência num clube da terra
.
Está confirmada a primeira contratação do Arões Sport Clube para 2014/2015. O guarda-redes fafense João Sampaio, que representou o GD Serzedelo nas últimas duas épocas, reforça a baliza da equipa de Miguel Paredes, sendo a sua primeira experiência num clube da sua terra.
.
Aos 28 anos, o guardião já conta com uma vasta carreira no futebol. Cumpriu a sua formação no Vitória SC durante 11 anos, tendo sido chamado várias vezes às selecções jovens da AF Braga.
.
Já como sénior, representou o União de Lamas em 2004/2005 e sagrou-se campão da extinta III Divisão Nacional no mesmo clube, na época seguinte. Posteriormente passou pelo Paredes, Académico de Viseu, Macedo de Cavaleiros, Portosantense, Boavista São Mateus, Madalena e Fão, sempre durante uma época, até chegar ao Serzedelo.
.
João Sampaio acrescenta experiência e qualidade à baliza do Arões e é mais uma opção a acrescentar a Paulo Jorge e Fábio, guardiões que prolongaram o vínculo ao clube. Por outro lado, o ex-Serzedelo colmata a saída de Miguel, que termina a carreira de jogador, após um ano a defender a baliza aronense.
.
No anúncio da retirada, Miguel agradeceu a “todos os presidentes, diretores, massagistas, roupeiros, treinadores, jogadores e sócios dos vários clubes” pelos quais passou durante 28 anos de carreira. “Com todos aprendi a ser um melhor ser humano, ganhei amigos e em todos os clubes fui o mais responsável que podia e sempre com o máximo profissionalismo”, refere o atleta de 36 anos.
.