terça-feira, 28 de outubro de 2014

Juniores: Arões SC, 3 - Prazins e Corvite, 0

Opinião: 
Redação | Foto: Rui Silva
.
Uma equipa de mão cheia
.
- Marcaram Cenoura, Miki e Barros
.
Ao quinto jogo, quinta vitória dos juniores do Arões, desta feita sobre o Prazins e Corvite. Uma vitória justa perante uma equipa forte e equilibrada, mas com excesso de agressividade em muitos lances. Cenoura abriu o marcador na sequência de um livre, onde beneficia de uma escorregadela do guarda-redes adversário. Igualmente de livre direto, cobrado por Miki, a equipa da casa chega ao segundo golo. Num lance dividido entre Barros e um defesa adversário, a equipa de Miguel Castro faz o 3-0 final.
.
O jogo começou com muita disputa a meio campo. Nesta fase, a equipa visitante conseguiu ligeira vantagem. Mais troca de bola, ganhando os duelos individuais com mais frequência efetuando trocas rápidas de flanco. Contudo, as investidas foram bem resolvidas pela defensiva da equipa da casa. O Arões tentava responder com algumas arrancadas de Miki, colocando sempre em sentido a defesa contrária.
.
A meio da primeira parte, a turma aronense começou a acertar as marcações e a equilibrar a luta a meio campo. À passagem da meia hora de jogo, num livre descaído para a esquerda, Cenoura inaugura o marcador, beneficiando de uma escorregadela do guarda-redes adversário. O jogo chegou ao intervalo com a vantagem do Arões.
.
Na segunda, parte o Arões partiu a procura do golo que ampliasse a vantagem no marcador. Miki teve uma grande oportunidade, ao ganhar em velocidade aos defesas adversários e sobre a direita, um remate de trivela ao qual o guarda-redes adversário defendeu para canto. O Arões não tirava o pé do acelerador. Cenoura, com um bom passe, desmarcou Jorge que sobre a esquerda que em velocidade rematou forte. Mas a bola passou ligeiramente acima da trave. O segundo golo nasce na sequência de um livre direto apontado por Miki, que rematou colocado tendo o guarda-redes adversário tocado na bola, sem conseguir evitar que fosse ao fundo das redes.
.
A equipa visitante tentou reduzir a desvantagem no marcador , colocando mais unidades na zona ofensiva e em lances de bola parada onde colocava vários jogadores. Contudo, num lance de contra ataque, Miki sobre a esquerda ganhou em velocidade ao seu opositor e perante a saída do guarda redes, serviu Barros e este, num lance divido com o defesa adversário, colocou a bola no fundo das redes estabelecendo o resultado final. Vitória justa e alcançada com mérito pela equipa de Miguel Castro que segue na liderança partilhada com o Polvoreira e na próxima jornada desloca-se ao terreno do Fareja.
.

Sem comentários:

Enviar um comentário