terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Juniores: Airão, 1 - Arões SC, 2

Opinião: 
Texto e foto (arquivo): Ricardo Castro
.
Bis de Pedro Morais decidiu
Pedro Morais tem sido um dos jogadores-chave
na época dos juniores do Arões

Os Juniores do Arões alcançaram mais uma vitória no campeonato, desta feita perante o Airão, por duas bolas a uma. Pedro Morais foi o homem do jogo ao bisar, dando o 15.º triunfo aos aronenses em 16 jogos na competição.

Mesmo perante o 12.º classificado, adivinhava-se um jogo difícil para os fafenses, agravado pelas condições climatéricas que deixaram o terreno de jogo em mau estado, prejudicando a muita troca de bola presente no estilo de jogo do Arões.

Com condições desfavoráveis a ambas as equipas, foi o conjunto de Miguel Castro quem criou mais ocasiões de golo nos minutos iniciais. Lisuarte e Pedro Morais não conseguiram desfazer o nulo. Contudo, o mesmo Pedro Morais não falhou à segunda tentativa. Após passe em profundidade, o médio ultrapassou o guarda-redes e fez o 0-1. O Airão tentou responder, levando maior perigo à baliza de Rui Pedro em lances de bola parada.

Os vimaranenses tentaram várias vezes, mas a eficácia morava no extremo oposto do campo. Em jogada individual, Cenoura entrou na área, foi derrubado e o árbitro assinalou grande penalidade. Na marcação do lance, Morais bisou e fez o 0-2.

O Airão lançou mais jogadores para o ataque na segunda parte e as bolas paradas para a área aronense foram uma constante. Do outro lado, a equipa visitante tentou surpreender de contra-ataque, com Rui Marinho, Morais, Miki e Joca a estarem perto de ampliar a vantagem. Porém, o Airão reduziu no seguimento de um lance de bola parada e relançou a discussão do resultado.

Até final, o Arões sofreu para manter a vantagem, mas conseguiu ser coeso defensivamente e somou mais três pontos. Na próxima jornada, há dérbi em Arões, entre o líder e o 4.º classificado, o Pica. Quinze pontos separam duas equipas que na primeira volta se encontraram, num resultado então favorável aos aronenses (1-2).


O Arões alinhou com: Rui Pedro, Lipe, Vítor, JP, Rui Marinho, Pizarro, Morais, Cenoura, Miki (Barros,73) Jorge (Luís Carlos, 65’) Lisuarte (Joca, 80’). Treinador: Miguel Castro. 

Sem comentários:

Enviar um comentário