domingo, 1 de fevereiro de 2015

Miguel Castro: "Vitória inteiramente dedicada ao nosso jogador Filipe"

Opinião: 
Foto: Ricardo Castro
.
Declarações do treinador dos juniores do Arões, Miguel Castro, depois da vitória diante do Mota, por 5-0:

“Tínhamos avisado a equipa que depois da derrota era importante dar uma resposta. Tivemos um fim-de-semana sem jogo e mais ansiosos ficámos em querer marcar o mais cedo possível para voltar às vitórias. Sabíamos que não ia ser um jogo fácil por tudo. Pela ansiedade e por saber que, como vimos e com todo o respeito pelo adversário, a parte mais difícil ia ser chegar ao primeiro golo.

Aproveitámos para fazer alguma rotação na equipa e sentiu-se a falta de rotina de alguns jogadores, nos quais temos plena confiança porque fazem todos parte do plantel.

Falando em nome da equipa técnica, sabíamos perfeitamente da equipa e da qualidade que temos. Ninguém pediu que subíssemos, que ganhássemos todos os jogos. A nossa meta é trabalhar semana a semana, jogo a jogo. Esta primeira volta foi ótimo, se calhar só nós acreditávamos que isto podia acontecer. Mas estas vitórias, para quem estiver atento ao campeonato, pode reparar que não são vitórias fáceis. Requerem muito esforço e dedicação da nossa equipa. Os resultados mostram o trabalho que toda a equipa faz. Não são vitórias oferecidas, são conquistadas.

Esta vitória é inteiramente dedicada ao nosso jogador Filipe. A avó dele faleceu durante esta semana. Ele não esteve em jogo por causa dessa situação e gostava, em nome da equipa técnica e do grupo, dedicar a vitória a ele e à sua família, que bem merecem.”
.

Sem comentários:

Enviar um comentário